23.3 C
Rio Branco
29 julho 2021 4:22 pm

Pesquisa revela que quase metade dos rio-branquenses estão desempregados

POR NANY DAMASCENO, DO CONTILNET

44% da população rio-branquense está desempregada. É o que mostra uma pesquisa do Sistema Fecomércio/AC em parceria com o Data Control Instituto de Pesquisas. Deste total, 24% está desempregada há menos um ano e 20% há menos de dois anos, enquanto 39% contabilizam mais de 2 anos nesta condição. Já 18% dos rio-branqueses admite não lembrar mais do tempo transcorrido na situação de desemprego.

A pesquisa mostra ainda que ao menos 83% da população afirma ter renda mensal de até R$ 2 mil, sendo que a maior concentração da renda desta população é de até R$ 1 mil. Vale lembrar que segundo o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), o O salário mínimo ideal para suprir as necessidades básicas do brasileiro seria de R$ 5.351,11.

A pesquisa Fecomércio revela também que 49% da população possui etapa de ensino médio, sendo 9% ainda incompleto. Já em relação ao ensino fundamental, cerca de 17% está em estágio incompleto e 13% completo, bem como 12% dos entrevistados, que possuem nível superior e, destes 7%, ainda em processo de graduação. Apenas 1% da população informa possuir pós-graduação.

Com relação à população desempregada, 57% não estão procurando emprego e outros 26% procuram emprego há mais de um ano e,18% há menos de um ano.

Quanto a parcela empregada,  48% revela ganhar menos do que o ideal para suprir s necessidades domésticas.

A pesquisa diz ainda que em metade dos domicílios, apenas uma pessoa é responsável pelo sustento. 38%, com duas. E somente 12% contam com a colaboração de três a cinco pessoas.

A pesquisa foi realizada com uma amostra de 300 pessoas em situação economicamente ativa. Segundo o levantamento, aproximadamente 55% dos entrevistados desenvolve uma ocupação econômica contínua e, destes, 11% estão inseridos na condição de aposentadoria e 9%, em algum trabalho informal.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.