22.3 C
Rio Branco
30 julho 2021 10:36 am
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Pronto para disputar a reeleição, Gladson confessa: “Estou amando ser governador”

POR THIAGO CABRAL, DO CONTILNET

Celebridade

Recebido com festa em Sena Madureira, para a entrega do maquinário do Deracre, o governador Gladson Cameli (Progressistas) parecia uma estrela de cinema. Cameli chegou à zona rural da cidade de helicóptero, na manhã de hoje, e foi recepcionado por uma pequena multidão. Na área urbana, os afagos continuaram, era pedido de selfie pra lá, aplausos pra cá, conversa no pé do ouvido, uma verdadeira festa. Pelo visto, as brigas com o prefeito da cidade, Mazinho Serafim (MDB), não arranharam a imagem do governador no município.

Loves in the air

“Estou amando ser governador”, confessou Gladson durante a visita de hoje a Sena Madureira. O governador disse ainda que tem trabalhado duro para disputar a reeleição e vencer, “é tudo que eu mais quero”. É como aquela velha máxima, “escolha um trabalho que você ame e não terá que trabalhar um único dia em sua vida”.

Cardápio

Já no fim da visita, por volta do comecinho da tarde, o governador aproveitou para forrar o bucho na casa do famoso radialista Eduardo Diniz, o lorde do Iaco. O almoço foi regado a muita conversa e comida boa. Após a refeição, Gladson e a equipe do Governo retornaram para Rio Branco.

Reconhecimento

Se tem uma pessoa na equipe do governador que merece os créditos pelo trabalho do Estado em Sena Madureira é o diretor-presidente do Deracre, Petrônio Antunes. O diretor tem sido um dos secretários que mais tem ajudado o governador. A recuperação da estrada Mário Lobão, em Sena, é um exemplo. Mesmo com a Prefeitura de Sena alegando que a estrada é responsabilidade do Estado, e o Estado dizendo que é do município, Antunes não perdeu tempo e mandou recuperar. A entrega está prevista para a semana que vem.

Bandeira branca

Inimigo confesso do governador, o prefeito Mazinho Serafim não acompanhou a visita de Gladson a Sena Madureira. Nem por isso, deixou de ser assunto. Questionado sobre as constantes brigas com o prefeito, Gladson estendeu a bandeira branca. O governador disse que não vai mais perder tempo com as discussões com o prefeito, porque quem perde é a população. Gladson ainda fez um convite para Mazinho “vamos trabalhar, tapar os buracos, que eu ajudo. Tenho ajudado muito a cidade e vou continuar ajudando, cada um tem que fazer sua parte, porque quem ganha é a população”.

Amplitude

Cada vez mais a deputada federal Perpétua Almeida (PCdoB) vem se firmando como uma parlamentar de 1ª classe na Câmara Federal. Com diversos projetos de interesse nacional, bom trânsito entre os partidos e com uma ótima comunicação, Perpétua entra de vez no hall dos políticos de referência nacional, a exemplo de alguns de seus colegas de parlamento, como é o caso de Túlio Gadelha (PDT/PE), Tábata Amaral (PDT/SP) e Marcelo Freixo (PSB/RJ). Bom para o Acre, melhor ainda para a deputada, que vê suas chances de reeleição se multiplicarem.

Campeã

Mas o espaço conquistado por Perpétua foi conquistado com muito trabalho. Prova disso é que a parlamentar é a deputada acreana com mais propostas em 2021, 338. Entre as propostas, algumas ganharam o noticiário nacional, devido a importância das pautas, como no caso da lei que afasta as gestantes do trabalho presencial durante a pandemia, o projeto que suspende as parcelas do Fies deste ano e a “PEC da Democracia”, que quer proibir que militares da ativa assumam cargos em governos.

Não quer

Especulado como candidato ao Senado ou a vice-governador na chapa de Gladson Cameli (Progressistas), o deputado federal Flaviano Melo (MDB) afirmou que não tem interesse na disputa majoritária. Melo confirmou que vem novamente para a disputa de uma vaga na Câmara Federal.

Devagar

Conversei com o deputado estadual Edvaldo Magalhães (PCdoB), que é um dos líderes do jovem bloco de oposição à esquerda contra os governos Gladson e Bolsonaro, composto por PT, PCdoB, PSB, Psol e PV, e ao que parece as conversas do grupo não vem evoluindo. De acordo com o deputado, “está tudo ainda na fase de introdução”. E lamentou, “não depende só da gente”. É preciso acelerar as conversas e definir nomes, se o grupo quiser disputar de igual pra igual com Gladson e Petecão (PSD). Ou bota o pé no acelerador, ou fica pra trás.

Quase dentro

O ex-prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre (PT), deve mesmo disputar uma vaga na Aleac no ano que vem. Mas apesar de considerar pleitear a vaga de deputado estadual, disse que ainda acha cedo para as definições sobre 2022. Uma coisa é certa, o ex-prefeito tem potencial de voto para disputar os primeiros lugares no ranking dos mais votados do estado. Está quase dentro.

Cabe mais

Atualmente com dois parlamentares na Aleac, Daniel Zen e Jonas Lima, o PT vê em 2022 a possibilidade de aumentar sua bancada. Se o ex-prefeito conseguir de fato ser um puxador de voto, o PT consegue fazer pelo menos três deputados. “Entendo que o PT trabalha para, no mínimo, manter a representação atual na Aleac. Mas a depender do cenário, pode até ampliar as vagas que ocupa atualmente”, disse o ex-prefeito.

Definido

Segundo Marcus Alexandre, a única coisa que está definida por enquanto dentro do PT é que Jorge Viana é o candidato majoritário do partido. Mas pelo andar da carruagem, JV vai até os 45 minutos do segundo tempo para definir se vem para o Senado ou para o Governo.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.