25.3 C
Rio Branco
22 julho, 2021 8:20 pm

Sepa e Prefeitura se reúnem para debater retomada do Silo no município

POR ASCOM

Localizado no KM90 da BR364, o silo graneleiro de Acrelândia tem capacidade de comportar até 2,9 toneladas de grãos para atender aos quase 100 produtores deste, que é considerado um dos municípios mais fortes na agricultura do Acre. Ocorre que desde 2017 o silo está cedido por meio de contrato de cessão para um empresário do município de Senador Guiomard e impossibilitando que pequenos produtores da região possam limpar, secar e armazenar seus grãos.

Buscando alternativas para resolver este impasse, o prefeito de Acrelândia, Olavinho Boiadeiro, juntamente com o secretário de agricultura do município, Mauro Ramalho, o chefe local da sepa, Vilseu Ferreira, e vereadores da cidade, procuraram a sede da Secretaria de Estado de Produção e Agronegócio (Sepa) na manhã desta sexta-feira, 09, com o objetivo que conversar com o secretário Nenê Junqueira, sobre quais medidas cabíveis podem ser adotadas para solucionar a questão.

Os gestores reivindicaram que a sessão do Silo seja entregue aos produtores rurais do município de Acrelândia, afim de atender a todos produtores no geral. Explicaram que da forma que está sendo administrado eles estão sendo prejudicados, e a Companhia de Armazéns Gerais e Entrepostos do Acre (Cageacre) de Acrelândia, não comporta toda produção do município.

“Estamos aqui buscando contar com o apoio da Sepa, para tentar resgatar de volta para o município de Acrelândia o silo que está sendo usado apenas por um único produtor, que não tem sequer propriedade dentro do nosso município. Hoje Acrelândia poderia estar atendendo de 80 a 100 produtores da região que necessitam desse apoio, no entanto não podem ser assistidos porque um fazendeiro está de posse do espaço, sendo que este, tem condições de comprar um silo por conta própria e permanece sacrificando inúmeros produtores do município.” disse o prefeito de Acrelândia, Olavinho Boiadeiro.

Silo está cedido a empresário desde 2017/Foto: ascom

O secretário Junqueira ouviu atentamente as observações que foram expostas pelos gestores, e se comprometeu a continuar lutando em prol do crescimento agronegócio em todo o Acre, tendo como prioridade o suporte ao pequeno produtor.

“Sou solidário as reivindicações que foram expostas aqui, concordo que os silo tem que atender aos produtores do município de Acrelândia, e da forma que vem sendo administrado, tem prejudicado principalmente os pequenos produtores. Entendo que não podemos atender um único produtor e deixar centenas de outros sem atendimento. A Sepa está aqui para atender e prestar apoio a todos os produtores rurais, seja ele pequeno, médio ou grande”, disse.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.