23.3 C
Rio Branco
16 setembro 2021 10:10 am

Usuária de drogas é morta após ser espancada por vários dias, em Rio Branco

Dileuza é usuária de droga e sempre era agredida por moradores da região após realizar pequenos furtos

POR ITHAMAR SOUZA, PARA CONTILNET

Última atualização em 29/07/2021 12:56

Dileuza Aparecida de Jesus Facundes, de 30 anos, morreu após ser agredida por golpes de ripa e de chutes na noite de quarta-feira (28), na rua Elzo Rodrigues, no bairro Eldorado, parte alta da cidade de Rio Branco.

Segundo informações da mãe da vítima, Dileuza é usuária de droga e sempre era agredida por moradores da região após realizar pequenos furtos, como também era agredida por outros colegas que usavam drogas com ela.

Segundo informações de moradores, a mulher foi agredida na sexta-feira, no sábado e domingo, mas também apanhou muito nesta quarta-feira (28). No corpo da vítima havia marca de ripa nas costas e muitos hematomas nas pernas e no rosto.

Na noite de quarta-feira, a vítima chegou na casa de uma amiga para dormir como era de costume, e ao amanhecer já estava sem vida.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ainda esteve no local e constatou que Dileuza já estava sem vida.

A área onde o crime aconteceu foi isolada para os trabalhos da perícia. Agentes do Instituto Médico Legal (IML) recolheram o corpo e levaram para a sede, onde serão realizados os exames cadavéricos.

O caso será investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.