25.3 C
Rio Branco
22 julho, 2021 8:35 pm
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Vídeo: babá é presa por agredir criança de 2 anos em Manaus; menino teve hemorragia

Agressões causaram uma hemorragia ocular na criança. Segundo polícia, a mulher disse que foi acidente, mas as câmeras de segurança desmentiram a versão.

POR G1 AM

Uma babá de 48 anos foi presa em flagrante pelo crime de lesão corporal contra uma criança de dois anos de idade, do sexo masculino, na tarde desta quarta-feira (30), em Manaus. Uma câmera de monitoramento registrou o crime.

O crime aconteceu quando a mulher trabalhava como babá do menino, em uma casa no bairro Parque Dez de Novembro, zona centro-sul.

De acordo com a polícia, a agressão causou uma hemorragia ocular (mancha vermelha de sangue na parte branca do olho). E com isso, a família foi até à Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca) para registrar o Boletim de Ocorrência (BO).

Segundo a polícia, na versão que a mulher contou, tudo teria sido apenas um acidente, em que ela estaria rodando o cabide na mão e perdeu controle do objeto, acertando o rosto da criança. No entanto, as imagens da câmera de segurança da casa desmentiram essa versão.

De acordo com a delegada Joyce Coelho, titular da Especializada, a mulher trabalha com a família há pelo menos oito meses, e os pais decidiram não acreditar na versão da funcionária.

“Solicitamos os exames de corpo de delito e foi comprovada a agressão. Vamos aguardar o resultado de um novo laudo para confirmar outra possível agressão, uma vez que a criança apresentou hematomas nas bochechas, o que poderia indicar que ela já praticava os atos”, comentou a titular da Depca.

“As guias de corpo de delito foram expedidas, e a perícia confirmou a lesão corporal. Os pais foram indicados para darem andamento aos procedimentos cabíveis”, disse a polícia.

A mulher vai responder pelo crime de lesão corporal no âmbito doméstico, e caso não pague a fiança imposta pela Justiça, será encaminhada à Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde ficará à disposição da Justiça.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.