24.3 C
Rio Branco
22 setembro 2021 12:45 am

Deputados divergem sobre extinção do Igesac e PL de Gladson pode ser retirado de pauta

POR NANY DAMASCENO, DO CONTILNET

Última atualização em 11/08/2021 12:23

Os deputados estaduais iniciaram a apreciação do Projeto de Lei enviado à Assembleia Legislativa (Aleac) pelo poder Executivo que extingue o Igesac.

Uma reunião à portas fechadas ocorreu nesta quarta-feira (11) na sala de comissões da Aleac, com representantes das comissões de Justiça, Orçamento e Finança, e Serviços Públicos.

Os deputados oposicionistas Edvaldo Magalhães (PCdoB) e Jenilson Leite (PSB) querem a presença de representantes da Procuradoria-Geral do Estado, Secretaria de Saúde e sindicatos, para o debate.

Líder de Gladson na Casa, o deputado Pedro Longo (PV) disse que o governo está aberto ao diálogo e disposto até mesmo a retirar a proposta e deixar que o Igesac assuma a gestão de Unidades de Saúde com o intuito de salvar os empregos.

Para Jenilson Leite, o projeto trata sobre o “processo de demissão dos nossos servidores”.

“Até o devido momento não temos a garantia que a extinção do Igesac irá garantir a manutenção do emprego dos pais de família e é esse debate que precisamos aprofundar nas comissões precisamos ter todos os entes responsável por esse processo para que possamos votar tranquilo e tomar uma decisão para estes trabalhadores”, explica.

Jenilson disse estar conversando com os sindicatos e há uma série de emendas que precisam ser discutidas para tentar melhorar este processo.

“Além disso há uma outra constatação, anunciada pelo Ministério Público do Trabalho, de que o projeto tem contorno de ilegalidade, por isso precisamos fazer uma audiência pública para tratar melhor e evitar trazer mais problemas aos nossos servidores”, pontua.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.