33.3 C
Rio Branco
9 setembro 2021 11:15 am

Mestre de taekwondo funda academia de artes marciais no AC: “Muda vidas e trabalha a índole das pessoas”

A Santos Martial Arts desenvolve técnicas de hoshinsull e taekwondo marcial baseadas em situações reais

POR RENATO MENEZES, PARA CONTILNET

Última atualização em 24/08/2021 16:55

“A arte marcial vem para mudar o caráter das pessoas”. Assim disse Mestre Santos ao apresentar seu trabalho com Taekwondo Marcial e Hoshinsull – Survival Combat no estado do Acre. O profissional, que é faixa preta 5° Dan de Taekwondo Marcial e 2° Dan de Hoshinsull Survival Combat, fundou a academia “Santos Martial Arts” para desenvolver nas pessoas a vontade de entender mais sobre defesa pessoal, autoconfiança e autocontrole baseado em situações do cotidiano.

O mestre fundou a Academia após passar por um processo de formação em Belo Horizonte (MG), onde foi instruído pelo faixa preta e 8º Dan de Taekwondo Marcial Marcos Starling, que veio dos Estados Unidos da América (EUA) e que fundou o Sistema Hoshinsull Survival Combat de Defesa Pessoal baseada na vida real. O trabalho dele, que é totalmente particular, vem com o objetivo de difundir esta modalidade no Acre.

De acordo com o faixa preta, o Hoshinsull Survival Combat prepara as pessoas para possíveis situações de assalto, agressões na rua e similares. No entanto, ele pontua que a modalidade vai para além disto.

“A finalidade da arte marcial não é só se defender e nem somente aprender técnicas. Ela vem para mudar a vida das pessoas, refina o caráter de forma que a pessoa se torne um melhor cidadão, um melhor filho, um melhor pai, um melhor esposo, enfim, a arte marcial tem esta finalidade, mas claro, depende muito de quem está transmitindo este conhecimento”, falou.

A Santos Martial Arts desenvolve técnicas de hoshinsull e taekwondo marcial baseadas em situações reais. Foto: Cedida

O Taekwondo Marcial também tem a mesma finalidade, segundo o mestre, que começou a treinar com 13 anos de idade. “Não visamos medalhas e campeonatos. Visamos treinar corpo, mente e espírito para estar pronto para toda e qualquer situação, seja adversidades físicas ou psicológicas, para estar sempre de cabeça erguida e vencer os problemas sendo um melhor cidadão em meio da sociedade”, disse.

O instrutor disse que o mais interessante de tudo é ver o desempenho dos alunos nas aulas, em todos os hemisférios da vida. “Tem um aluno meu que não tinha uma vida controlada, mas hoje em dia está treinando, se graduou, e é meu braço direito e instrutor auxiliar (na academia). Então ela vem para mudar vidas e trabalhar a índole das pessoas, e eu prego isso. Trabalhamos com arte marcial raiz, tradicional. A pessoa vem com uma personalidade e (com os treinos) finda mudando, tendo uma visão de mundo diferente, aprendendo a respeitar o próximo e a entender o que é hierarquia”, finalizou.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.