31.3 C
Rio Branco
24 setembro 2021 1:49 pm

Servidor mais antigo no AC comemora os 93 anos da PRF: “Orgulhoso de pertencer a esta instituição”

Getúlio Mário está há 32 anos como policial da Polícia Rodoviária Federal no estado e compareceu à cerimônia alusiva aos 93 anos da instituição, comemorado no último dia 24 de julho

POR RENATO MENEZES, PARA CONTILNET

Última atualização em 18/08/2021 13:23

Nesta quarta-feira (18), em Brasília (DF), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) promoveu uma cerimônia alusiva aos 93 anos de instituição. O evento, que contou com a participação do ministro da Justiça, Anderson Torres, de servidores da PRF e outros membros da Justiça, também entregou equipamentos e veículos à polícia, bem como a medalha Washington Luís a autoridades como a primeira-dama, Michelle Bolsonaro.

O policial e superintendente da PRF no Acre, Getúlio Mário Gomes de Azevedo, esteve presente no evento e expressou gratidão por fazer parte da instituição há 32 anos. O servidor é o mais antigo do estado e contou que acompanhou todas as fases do sistema de polícia. “Tivemos um avanço histórico na nossa instituição, hoje demonstrada através deste evento. A adesão de várias autoridades, ministros, e isto nos torna ainda mais orgulhosos de pertencer a esta instituição”, complementou.

Policial atua há 32 na PRF/ Foto: Arquivo Pessoal

Além disto, ele disse também que o estado, que conta com 69 agentes no total, continua ampliando e reforçando os serviços da PRF para todas as regiões. “Nossa direção geral está sensibilizada com as políticas dedicadas à fronteira, e dentre os estados que serão contemplados, o Acre faz parte desta pretensão de expansão das nossas unidades operacionais, com a instalação de uma unidade em Cruzeiro do Sul, e mais uma unidade na fronteira, e isto já corroborado pelo nosso diretor geral”, pontuou.

Durante a cerimônia, o ministro Anderson Torres demonstrou gratidão por participar do momento, e celebrou a entrega de recursos para incrementar nos serviços da instituição, oriundos de apreensões nas estradas e rodovias. “A PRF se mostra plenamente integrada aos problemas do Brasil, são mais de 400 milhões de reais para usarem no combate à criminalidade, para dar mais eficiência ao trabalho”, disse.

Getúlio Mário Gomes de Azevedo é superintendente da PRF no Acre/ Foto: Arquivo Pessoal

A primeira-dama também agradeceu e elogiou à atuação dos profissionais que zelam pela proteção com profissionalismo e dedicação. “Nossa gratidão a todos os policiais que fazem a proteção das fronteiras do nosso país”, falou.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.