41.7 C
Rio Branco
21 setembro 2021 1:16 pm

‘Centrão deve desembarcar por sobrevivência eleitoral’, afirma cientista político

POR O GLOBO

Última atualização em 09/09/2021 12:41

O cientista político Fernando Limongi, professor da Escola de Economia da Fundação Getúlio Vargas em São Paulo, afirma que o Supremo Tribunal Federal (STF) e o Senado são as instituições que sobraram no contraponto à atuação do presidente Jair Bolsonaro. Segundo ele, o presidente da Câmara Arthur Lira (PP-PI) “passou pano” ao pedir “pacificação” na relação entre os Poderes, mas não pautar o impeachment.

Em entrevista ao GLOBO, Limongi disse também que os atos de 7 de setembro mostraram que Bolsonaro está “isolado” na cena política, apesar do apoio de seus seguidores mais fiéis e que aposta que o Centrão vai abandonar o presidente em nome dos seus interesses eleitorais.

Os discursos de Bolsonaro no 7 de setembro são o ensaio para um golpe?

A questão é sempre tentar interpretar o Bolsonaro e tentar encontrar razão onde nunca há razão. Se foi um ensaio de golpe, foi um ensaio mal feito. O que entendo que ele pretendia fazer era uma demonstração de força e que com isso ele forçaria os outros atores a um acordo. O que ele mostrou foi sobretudo isolamento e completa falta de senso político.

Leia a entrevista completa em O Globo.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.