25.4 C
Rio Branco
14 outubro 2021 4:03 am

Fora do páreo nos cenários até então, Marina pode limitar-se a cabo eleitoral em 2022

Pré-candidato a governador do Rio, Marcelo Freixo, anuncia o apoio da política acreana

POR TIÃO MAIA, PARA CONTILNET

Última atualização em 24/09/2021 16:40

“Muito feliz com o apoio da Marina Silva, por quem tenho enorme admiração, à nossa pré-candidatura ao governo do Rio de Janeiro”. A declaração foi feita em redes sociais pelo deputado federal Marcelo Freixo, ao se referir à ex-ministra e ex-senadora acreana Marina Silva.

Eleitora do Acre, em Rio Branco, mas morando atualmente em Santos (SP), onde vive a família de seu marido, Fábio Vaz de Lima, Marina Silva, embora se mantenha na política como dirigente do Partido que ela mesmo criou, o Rede Sustentabilidade, não deve ser candidata em 2022. Depois que concluiu o mandato de senadora em 2012, ela passou a perseguir a perseguir a presidência da República candidatando-se ao cargo em três eleições seguintes.

Com 63 anos de idade, Marina Silva deve se manter afastada das eleições do ano que vem, embora seu nome seja bem avaliado tanto para os governos do Distrito Federal como o do Rio de Janeiro. Com seu nome desidratado em relação à presidência, por causa da polarização entre os pré-candidatos Lula e Jair Bolsonaro, Marina deve se limitar a ser cabo eleitoral onde a disputa estadual tiver candidatos com afinidade ideológica, caso de Freixo, que deve ser candidato a governador pelo PSB.

“Juntos, nós vamos tirar do poder essa máfia que governa o Rio há décadas e reconstruiremos o nosso Estado”, disse o pré-candidato.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.
Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!