23.3 C
Rio Branco
19 outubro 2021 12:48 am

Gladson não assina carta pedindo a “verdade” de Bolsonaro sobre o aumento do preço da gasolina

O documento foi assinado por 20 governadores

POR EVERTON DAMASCENO, DO CONTILNET

Última atualização em 20/09/2021 12:02

Uma nota que aponta o aumento dos preços dos combustíveis como um problema nacional foi assinada por vinte governadores do Brasil e divulgada nesta segunda-feira (20).

O governador Gladson Cameli (Progressista) não assinou o documento representando o Acre, além dos governadores do Paraná, Ratinho Júnior (PSD); de Santa Catarina, Carlos Moisés (PSL); do Amazonas, Wilson Lima (PSC); de Rondônia, Marcos Rocha (sem partido); de Roraima, Antonio Denarium (PP); e de Tocantins, Mauro Carlesse (PSL).

Os gestores afirmam que o alto valor dos combustíveis não tem a ver com o aumento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), que é um tributo estadual.

“Os governadores dos entes federados brasileiros signatários vêm a público esclarecer que, nos últimos 12 meses, o preço da gasolina registrou um aumento superior a 40%, embora nenhum estado tenha aumentado o ICMS incidente sobre os combustíveis ao longo desse período”, destacam.

O grupo cobra a “verdade” por parte do Governo Federal.

“Essa é a maior prova de que se trata de um problema nacional, e, não somente, de uma unidade federativa. Falar a verdade é o primeiro passo para resolver um problema”, prosseguem eles.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.
Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!