29.3 C
Rio Branco
24 outubro 2021 8:26 pm

Homenagem à Igreja Católica: “Tudo que sei e sou, devo a essa formação”, diz emocionado Edvaldo Magalhães

POR NANY DAMASCENO, DO CONTILNET

Última atualização em 30/09/2021 19:34

O deputado estadual Edvaldo Magalhães (PCdoB), presente na sessão solene de homenagem à Igreja Católica no Vale do Juruá, em especial Cruzeiro do Sul, sua terra natal, se emocionou a lembrar da sua história que foi formada, segundo ele, com grande participação da Igreja.

“Fui romarista, fiz os votos, abri uma unidade lá. Tarauacá, depois tomei outro rumo, mas tudo o que aprendi e sei, meu caráter, devo a igreja. Por isso essa homenagem feita hoje é mais só que justa. Todos que nós deslocamos de Rio Branco para cá temos essa noção do tamanho da importância da Igreja”, destacou Edvaldo Magalhães

Para ele, as contribuições para o desenvolvimento de Cruzeiro do Sul vão além do plano religioso, mas há contribuições na arte, na construção civil, na formação educacional e nas relações humanas.

“Depois de Thaumaturgo de Azevedo, nós não temos nenhuma dúvida de afirmar que foi a Igreja Católica, que com um olhar e uma ousadia ajudou a edificar, a construir locais estratégicos e importantes para o desenvolvimento desta cidade. Não apenas como construtores, porque já seria algo extraordinário. Fundou a primeira olaria, a Olaria dos Padres. Eu andava e brincava na Olaria dos Padres, mas tinha a oficina, que era uma carpintaria, uma marcenaria. Por ali, passaram dezenas de profissionais que foram se formando, que foram burilando suas capacidades e transformou essa região aqui, em uma região de extraordinários profissionais”, disse Edvaldo Magalhães.

Na área educacional, o deputado acreano, que é natural de Cruzeiro do Sul, disse que “com a abertura das escolas, formou gerações”. E acrescentou: “Com a abertura das congregações, com os juvenatos das irmãs, dos irmãos e nos seminários trouxeram dezenas de jovens que internados ali, buscando encontrar suas vocações, também se formaram e ajudaram a construir essa região”.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.