21.3 C
Rio Branco
18 outubro 2021 5:40 am

Pastor vem ao AC para ‘missão’, apaixona-se por Sena Madureira e comemora 31 anos de município: “Amo essa terra”

Natural de Minas Gerais, Pastor Celso Gregório mora há 31 anos em Sena

POR EDINALDO GOMES, DO CONTILNET

Última atualização em 16/09/2021 15:50

Prestes a comemorar 117 anos de fundação, a cidade de Sena Madureira se destaca ao longo dos anos por ser uma terra acolhedora. Sua formação histórica e cultural sofreu grande influência de famílias vindas de outros Estados do Brasil, especialmente no auge da borracha, considerada o ouro negro da Amazônia.

Muitos moradores oriundos de outros Estados conseguiram romper vários anos distantes de suas famílias e ainda hoje permanecem em Sena, contribuindo com o seu desenvolvimento. Um deles é o Pastor Celso Gregório de Lima, maior liderança da Igreja Assembleia de Deus, em Sena Madureira.

Pastor Celso Gregório em conversa com o ContilNet. Foto: ContilNet

Natural de Tupaciguara, interior de Minas Gerais, pastor Celso chegou em Sena Madureira em 1990 e, de lá pra cá, não quis mais retornar para a sua terra natal. “Minha vinda para o Acre começou em 1984 com o encontro de Missões – Gideões Missionários da última hora. Na verdade, eu iria para o Estado de Roraima, mas Deus mudou os planos e acabei vindo para o Acre. Trabalhei dois anos e meio em Rio Branco. Só depois vim pra Sena Madureira”, relembrou.

Ele era da secretaria de Missões da Assembleia de Deus e se encontrava bem acomodado na capital, porém, por conta própria pediu pra ser destacado para o interior do Acre. “Eu queria apresentar um trabalho. Lembro que meu superior chegou a questionar: Se está bem na capital pra que ir para o interior? Mesmo assim, fui atendido e em 1990 cheguei em Sena Madureira”, frisou.

Pastor Celso Gregório mora há 31 anos em Sena. Foto: cedida

31 ANOS DE UM TRABALHO FRUTÍFERO EM SENA MADUREIRA

Ao chegar em Sena Madureira, o pastor Celso Gregório encontrou somente o templo-sede da Assembleia de Deus e mais duas congregações, todas elas na zona urbana. Atualmente a Assembleia conta com seu templo-sede, na Rua Padre Egídio, centro da cidade e mais 56 congregações, espalhadas pelos Bairros, Rios e ramais. “Graças a Deus, temos visto o crescimento da Igreja em todas as áreas: Social, física e espiritual. Até o final deste ano, vamos inaugurar mais quatro igrejas, elevando para 60 o número de congregações em Sena Madureira. Essa é uma demonstração de que o nosso trabalho está sendo abençoado por Deus e a propagação do evangelho alcança cada vez mais pessoas”, comentou.

Celso Gregório revelou que, ao sair de sua cidade natal (Tupaciguara), o seu sonho era retornar para ser pastor em seu município, porém, segundo ele, com o passar dos anos e mediante os vínculos firmados em Sena Madureira decidiu não mais voltar. “Há cerca de 15 anos, recebi o convite para voltar pra minha terra natal, mas recusei. Eu amo essa Terra e o seu povo. Volto para Minas Gerais somente pra passear”, disse.

Pastor conduz grande quantidade de fiéis em Sena. Foto: cedida

Pastor Celso Gregório de Lima tem o título de cidadão Acreano, concedido pela Assembleia Legislativa do Acre e, ainda, o título de cidadão Senamadureirense, expedido pela Câmara Municipal de vereadores.

Além de cuidar com presteza da Assembleia de Deus e suas inúmeras congregações, ele também é Diretor-geral da Rádio Comunitária Dimensão FM 104,9 MHZ, um empreendimento que gera oportunidades para jovens de Sena Madureira. “Nesse mês tão especial, parabenizo à nossa querida cidade de Sena Madureira pelos 117 anos que serão celebrados no próximo dia 25 de setembro. Que Deus continue guardando essa cidade e abençoando todas as famílias”, finalizou. 

Pastor Celso Gregório de Lima tem o título de cidadão Acreano, concedido pela Assembleia Legislativa do Acre. Foto: cedida
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.