33.3 C
Rio Branco
13 outubro 2021 4:42 pm

Ao contrário de Bolsonaro, Gladson afirma que deve sancionar projeto que obriga as escolas a fornecerem absorventes

“Preciso apenas fazer uma análise do impacto financeiro, mas já adianto que vou sancionar por que considero muito válida e importante a proposta”, argumentou o chefe do executivo

POR EVERTON DAMASCENO, DO CONTILNET

Última atualização em 13/10/2021 16:42

O governador Gladson Cameli disse nesta quarta-feira (13), em entrevista exclusiva ao ContilNet, que vai sancionar o Projeto de Lei (PL) aprovado pela Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) que obriga as escolas públicas do Estado a fornecerem absorventes às alunas.

A proposta de autoria do deputado Chico Viga (Podemos) recebeu voto favorável de todos os parlamentares da Casa do Povo. Durante discurso na tribuna, o político disse que o projeto tem o objetivo de “corrigir o retrocesso alcançado referente à dignidade e ao desenvolvimento sadio e harmonioso da criança e do adolescente”.

“Trata-se, portanto, de uma questão de proteção e higiene, além de evitar situações de constrangimento e vexame. Esse projeto visa corrigir o retrocesso alcançado referente à dignidade e ao desenvolvimento sadio e harmonioso da criança e do adolescente, bem como homologar uma nova era onde o respeito e os valores inerentes a pessoa humana sejam integralmente resguardados”, apontou o deputado.

O PL ganhou ainda mais destaque na mídia e nas redes sociais porque foi aprovado em meio às polêmicas envolvendo a decisão do presidente Jair Bolsonaro de vetar a distribuição gratuita dos produtos para estudantes de baixa renda de escolas públicas, mulheres em situação de vulnerabilidade e presidiárias, sob a alegação de que o projeto de origem na Câmara dos Deputados não especifica a fonte de custeio.

Ao contrário do presidente, Gladson diz que vai sancionar o PL.

“Preciso apenas fazer uma análise do impacto financeiro, mas já adianto que vou sancionar por que considero muito válida e importante a proposta”, argumentou o chefe do executivo.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.