24.3 C
Rio Branco
4 dezembro 2021 11:11 pm

Auxílio Brasil atingirá 7,6 milhões de famílias no Nordeste, onde Bolsonaro é pior avaliado

POR O GLOBO

Última atualização em 24/10/2021 09:43

A criação do Auxílio Brasil com benefício mensal de R$ 400, mais que o dobro do que a média no atual Bolsa Família, abalou o mercado financeiro com o drible no teto de gastos e provocou nova debandada na equipe do ministro da Economia, Paulo Guedes.

Mas, politicamente, pode ter valido a pena para o presidente Jair Bolsonaro.

Além do valor turbinado até dezembro de 2022, o programa substituto do Bolsa Família também promete ampliar de 14,6 milhões para 17 milhões o contingente de lares vulneráveis atendidos.

E o maior impacto será sentido no Nordeste, onde Bolsonaro tem o menor índice de aprovação a caminho da reeleição. A região receberá praticamente metade do valor do Auxílio Brasil: ao menos R$ 36,6 bilhões em 2022, ano eleitoral.

Leia mais em O Globo.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.