28.3 C
Rio Branco
22 outubro 2021 10:45 am

“Ceará” vira réu por morte da esposa e atentado à anteada

POR TIÃO MAIA, PARA CONTILNET

Última atualização em 08/10/2021 13:29

Acusado de matar a esposa, esfaquear a enteada e depois tentar suicídio, crimes ocorridos no bairro João Eduardo, em agosto deste ano, o comerciante Antônio Uilamo Bezerra, o “Ceará”, passou a ser considerada réu e deve ir à Júri Popular, em data ainda a ser marcada. Decisão neste sentido foi tomada nesta sexta-feira pelo juiz da 2ª Vara do Tribunal do Júri e Auditória Militar, Alesson Braz.

A justiça recebeu a denúncia do Ministério Público do estado do Acre (MPAC), de autoria do promotor de Justiça Efrain Mendonza, na qual Antônio Uilamo Bezerra passou a ser réu pelos crimes de homicídio e tentativa de assassinato. Ele não foi imputado pela tentativa de suicídio, porque a lei não recepciona punição ao suicida.

O MPAC apresentou como provas o laudo cadavérico de Maria Ivanilde da Silva, a então esposa de “Ceará”, e o exame de corpo de delito de enteada das inicias S.V.S e menor de idade. A menor tentou tomar a mãe das mãos do assassino no momento em que ele a esfaqueava e também foi ferida;. Os crimes ocorreram após uma discussão em família, após o almoço.

O homicídio tem os agravantes de motivo torpe, meio cruel, recurso que dificultou a defesa da vítima e violência doméstica. Consta na denúncia que, após a discussão por motivo banal Antônio Uilamo pegou uma faca e desferiu vários golpes na esposa, na mesma ação o réu tentou matar a enteada e depois tentou cometer o suicídio, desferindo várias facadas no próprio corpo.

O casal chegou a ser socorrido pelo SAMU, mas por conta da gravidade dos ferimentos Maria Ivanilde não resistiu e morreu pouco tempo depois. O autor do crime após receber alta do hospital foi levado do pronto socorro direto para o presídio.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.