33.3 C
Rio Branco
14 outubro 2021 7:00 pm

Rio Branco e Humaitá brigam por taça, neste sábado, na Arena da Floresta

POR NA MARCA DA CAL/ MANOEL FAÇANHA

Última atualização em 09/10/2021 12:06

Com o retorno do torcedor as arquibancadas, as equipes do Rio Branco e Humaitá fazem neste sábado (9), a partir das 17h, no estádio Arena da Floresta, a segunda e decisiva partida das finais do 33º Campeonato Acreano de Futebol Profissional.

O Estrelão vai a campo ostentando o título de maior vencedor da era do futebol profissional. O clube estrelado soma 16 conquistas (1989-2020) em 26 finais disputadas e o último título ocorreu na temporada de 2018.

Numa viagem na história do futebol local, conforme dados levantados pelo site “Na Marca da Cal”, a primeira edição do Campeonato Acreano ocorreu na temporada de 2019 (data da fundação do Rio Branco FC). Neste período de 103 anos, apenas 11 edições do torneio não ocorreram (1922, 1923,1924,1925,1926,1927,1929,1931,1932,1933 e 1934). Na somatória dos números, o Rio Branco coleciona 46 taças de campeão (1919 a 2020).

Fundado em 2003, o Humaitá chega para a sua primeira final de estadual da primeira divisão após a profissionalização, ocorrida em 2015. O clube da cidade de Porto Acre fez história pela primeira vez ao conquistar o título de campeão da segunda divisão de 2016.

Arbitragem

O árbitro Julian Negreiro será o responsável pela condução da partida decisiva do 33º Campeonato Acreano de Futebol Profissional – 2021. Jean Carlos Rodrigues e Roseane Amorim da Silva serão os assistentes escalados. Jackson Rodrigues de Silva e Iane Veras Andrade será o quarto e quinto árbitros do confronto.

Leia a matéria completa em NA MARCA DA CAL, clique AQUI!

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.