25.3 C
Rio Branco
21 outubro 2021 1:55 am

Seca história se prolonga e Pantanal deve viver maior vazante em 121 anos

Dados indicam uma transição para estação chuvosa dentro da normalidade, no entanto, 2021 têm sido um dos anos mais críticos em relação à seca.

POR G1

Última atualização em 07/10/2021 16:51

Quando as chuvas cessam, as águas começam a baixar lentamente no Pantanal, dando espaço a paisagem formada por campo e morros. Esse cenário é chamado de vazante e costuma ocorrer entre os meses de abril e junho, seguido da seca, que vai até outubro. No entanto, com a seca histórica registrada desde o ano passado, o período de vazante deve ser o mais longo registrado nos últimos 121 anos.

O prognóstico é do Serviço Geológico do Brasil (SGB-CPRM). As informações foram divulgadas na 5ª Reunião em 2021 da Sala de Crise do Pantanal, promovida pela Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA), nesta quarta-feira (6).

Os dados indicam uma expectativa de chuvas acima do esperado na região, com a transição para estação chuvosa dentro da normalidade. No entanto, 2021 têm sido um dos anos mais críticos em relação à seca, apresentando os menores índices em 121 anos, o que prejudica uma mudança significativa na paisagem.

“Neste momento, essa é a quinta pior seca da história da região. Pela tendência atual, é possível que o rio alcance níveis históricos como aqueles de 1964, quando o rio atingiu a cota de menos 61 centímetros”, destaca o hidrólogo e pesquisador em Geociências do Serviço Geológico do Brasil (SGB-CPRM), Marcus Suassuna Santos.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.