24.3 C
Rio Branco
21 janeiro 2022 9:41 pm

Após ser comparado ao ex-goleiro Bruno, condenado por matar Eliza Samúdio, acreano Weverton afirma: ‘Não posso aceitar’

Arqueiro alviverde deixou clara a indignação por ser equiparado ao ex-jogador condenado por homicídio

POR NOSSO PALESTRA

Última atualização em 29/11/2021 19:34

Weverton é um dos maiores nomes da história do Palmeiras. Após conquistar mais um título, no último sábado (27), o arqueiro deu uma declaração agradecendo a Deus. As falas de gratidão, no entanto, foram interpretadas de outra maneira pelo ator Paulo Betti, que comparou o palmeirense ao ex-goleiro do Flamengo, Bruno, que foi condenado a 22 anos e três meses de prisão pelo assassinado da ex-esposa Elisa Samudio.

– O discurso do goleiro do Palmeiras depois do jogo, aquela falação sobre Deus quando devia estar comemorando, aquela cena dele rezando antes de começar o jogo, me faz lembrar do goleiro Bruno, que rezava antes do jogo e depois ia matar a moça e jogar pros cães. Explica muito o Brasil – disse Paulo no Twitter, apagando a postagem posteriormente.

Após o ocorrido, Weverton explicitou seu sentimento com o caso. Em entrevista ao UOL, o arqueiro afirmou que nunca sofreu esse tipo de intolerância.

– Eu nunca sofri esse tipo de intolerância. Eu jamais posso aceitar e jamais vou me calar. Acho que deve existir respeito. Eu tenho a minha crença, eu acredito em Deus e acredito na bondade de Deus. Quem me conhece e acompanha sabe que eu falo de Deus não só nas vitórias. Toda vez que o time ganha, perde ou empata, eu sempre me ajoelho e agradeço a Deus. Lógico que nas vitórias as pessoas te dão mais voz, deixam você falar muito mais do que nas derrotas, isso faz parte do processo.

O arqueiro, no entanto, deixou claro que perdoa o ator após a declaração, afirmando que ele foi infeliz pela comparação.

– O Paulo sabe que foi infeliz na declaração dele, principalmente por tentar me comparar com outras pessoas, isso não se faz. Mas faz parte, não tenho rancor e perdoo ele. Eu posso falar que ele não sabe o que ele diz, está totalmente equivocado. Isso jamais vai me calar naquilo que acredito. Então tem que haver respeito: eu posso falar daquilo que acredito, você pode falar daquilo que acredita. Fico feliz porque fiz aquilo que estava no meu coração. Quanto a ele, ele sabe que errou, mas eu desculpo e perdoo, sem problema nenhum.

Weverton é um dos grandes nomes da história do Palmeiras. No clube desde 2018, já conquistou todos os títulos diputados na América do Sul, dentre estes duas Libertadores em 2021.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.