30.5 C
Rio Branco
24 novembro 2021 1:58 pm

Governo do Acre sanciona lei que destina R$ 1 milhão ao futebol profissional do estado

Dentre as despesas a serem custeadas com o valor em questão, incluem-se o pagamento de despesas com arbitragem. Lei foi publicada no Diário Oficial desta quarta-feira (24).

POR RENATO MENEZES, PARA CONTILNET

Última atualização em 24/11/2021 09:36

O governador do Acre Gladson Cameli sancionou nesta quarta-feira (24), a Lei nº 3.808, que autoriza o Executivo, por meio da Secretaria Estadual de Educação, Cultura e Esportes (SEE/AC) a destinar recursos para o futebol profissional acreano.

O valor orçado, publicado no Diário Oficial do Estado (DOE), é de R$1 milhão para o fomento do desporto de alto rendimento. Além disto, a lei destaca que este montante será fracionado no sentido de contemplar todas as categorias de base do futebol acreano e auxiliar na retomada das atividades prejudicadas pela pandemia de Covid-19.

“A destinação de recursos de que trata esta lei possui caráter específico e natureza não habitual, sendo precipuamente destinada a viabilizar, após período extenso de restrições sanitárias, a realização do campeonato estadual de futebol profissional de 2021”, destaca a publicação.

Dentre as despesas a serem custeadas com o valor em questão, incluem-se o pagamento de despesas com arbitragem, apoio aos dois clubes acreanos que participam dos campeonatos da série D e premiação do campeonato feminino estadual de futebol.

Destaca-se também que, para a execução desta lei, é necessário que seja firmada uma parceria entre o Governo do Estado e a Federação de Futebol do Acre. Com isto, devem ser entregues o plano de aplicação dos recursos e cronograma de desembolso dos valores em questão.

Confira abaixo a tabela completa com os valores a serem destinados para cada especificidade do futebol acreano:

No total, a lei sancionada pelo governador Gladson Cameli destinará R$1 milhão ao futebol profissional do estado. Foto: Reprodução/DOE.
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.