26.3 C
Rio Branco
26 novembro 2021 12:56 am

Polícia Civil do Acre participa de nova operação nacional; 76 pessoas são indiciadas no estado

Desta vez, o combate foi a violência contra idosos; 76 pessoas são indiciadas em sete municípios acreanos

POR TIÃO MAIA, PARA CONTILNET

Última atualização em 18/11/2021 13:29

Outra operação envolvendo as polícias Civil dos 26 estados e do Distrito Federal, deflagrada no país. No último dia 15 de outubro, a exemplo do que ocorreu nesta quarta-feira com a “Operação Valeur” (ladrão, em francês),teve resultados significativos no Acre. Enquanto a “Operação Valeur” buscou combater o roubo e o furto contra o patrimônio, a “Operação Valeur”, em sua segunda fase, mirou no combate ao crime contra idosos.

De acordo com números apresentados pela Diretoria Geral de Polícia Civil do Acre, resultou no indiciamento de 76 pessoas, todas elas acusadas de violência e outros crimes contra idosos. Foram registradas ocorrências do gênero em pelo menos sete municípios do Acre, com o atendimento de 117 idosos.

Houve também apuração de 94 denúncia é do Disque 100, do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. A operação faz parte de uma mobilização nacional articulada pelo Ministério da Justiça e da Segurança Pública (MJSP), por meio da Secretaria de Operações Integradas, em parceria com o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

O crime contra idosos tem pena prevista de até quatro anos de reclusão, além de multa. A Polícia recomenda que a população continue denunciando os casos dos quais tiver conhecimento, através do Disque 100 e 181. As ligações são gratuitas a identidade do denunciante é resguardada. Qual pessoa pode acionar os serviços para que a Polícia possa agir e responsabilizar aqueles que cometem crimes desta natureza.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.