23.9 C
Rio Branco
24 novembro 2021 8:25 pm

Situação de cães vítimas de maus-tratos em Goiânia choca a polícia; VÍDEO

POR METRÓPOLES

Última atualização em 22/11/2021 13:44

Agentes da Polícia Civil de Goiás (PCGO) ficaram chocados com a situação de maus-tratos de três cadelas, resgatadas na capital goiana na semana passada. Diante da situação, o tutor dos animais está sendo investigado. O caso foi divulgado pela corporação nesta segunda-feira (22/11).

As cachorras foram encontradas em uma casa no setor Parque Atheneu. Uma delas estava bastante debilitada e sem forças para se levantar. Com isso, acabou morrendo logo após o resgate.

O caso chegou à polícia após ação de uma equipe da Agência Municipal de Meio Ambiente (Amma). A cadela que morreu estava deitada numa poça de lama. Ela veio a óbito nesse domingo (21/11), após ser encaminhada junto das demais para a Clínica Veterinária Popular.

A segunda cadela estava presa a uma corrente curta, sem acesso a água e visivelmente desnutrida. Já a terceira estava com os pelos cheios de bolores, embaraçados e vivendo em local sujo, repleto de lixo e fezes.

Vídeos feitos pela polícia no local mostram como elas ficaram agitadas ao receberem alimentação e serem resgatadas.

Veja:

Investigação

Um inquérito foi instaurado pela Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Meio Ambiente (Dema) para investigar o caso. O crime de maus-tratos tem pena que pode chegar até seis anos e oito meses de prisão.

A PCGO destaca que é responsabilidade do tutor do animal mantê-lo em local limpo, com abrigo da chuva e do sol, água limpa disponível, alimentação adequada e ainda providenciar atendimento médico veterinário.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.