31.3 C
Rio Branco
25 novembro 2021 7:06 pm

“Sou o chefe da quadrilha”, afirma padre acusado suspeito de desviar dinheiro de doações

POR IG

Última atualização em 25/11/2021 19:05

Em gravação divulgada, o padre Robson de Oliveira, investigado por desviar dinheiro de doações de fiéis, afirma ser “chefe da quadrilha”. No áudio em questão, ele admite a participação em esquema para burlar contratos.

A gravação, feita pelo próprio padre, foi divulgada ontem (24) pela TV Record. O arquivo está com Ministério Público do Estado de Goiás (MPGO) e vai ser periciado com autorização da Justiça.

No último dia 17, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) recebeu um novo pedido de prisão emitdo pela Polícia Federal. O pedido, que veio após seis meses da suspensão da investigação criminal contra o padre, ainda está em análise.

Na gravação, Robson e sua equipe jurídica discutiam estratégias para esconder contrato de compras feitos em nome de terceiros pela Associação Filhos do Pai Eterno, instituição liderada pelo religioso.

Ao suspeitar que poderia ser alvo de uma investigação policial, o padre afirma: “Deixa um delegado meio doido começar a fazer pergunta pesada. Ai, gente, eu vou falar para vocês uma coisa. Isso aí é crime organizado. E eu sou o chefe da quadrilha”.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.
Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!