25.3 C
Rio Branco
24 novembro 2021 11:19 pm

Vale do Juruá tem redução de 53% em mortes violentas nos últimos dois anos

O número de mortes violentas no Juruá apresentou redução no decorrer de 2021, em relação ao ano anterior

POR JURUÁ ONLINE

Última atualização em 19/11/2021 11:34

O número de mortes violentas no Juruá apresentou redução no decorrer de 2021, em relação ao ano anterior. Neste ano, a redução foi de mais de 50 % em comparação com 2019. E em comparação com o ano passado a redução atinge os 30% de redução, número que traz tranquilidade e mostra o desempenho das forças policiais.

Os registros de morte são por homicídios, latrocínios, feminicídio, lesão corporal seguido de morte e ação policial.

O coronel Evandro Bezerra, comandante do 6º batalhão diz que os dados demonstram um processo de redução contínua no Vale do Juruá. Segundo ele os assassinatos registrados em 2021 seguem uma redução em comparação com os anos anteriores. “Os gráficos mostram a redução de morte violenta em todo o vale do Juruá. Esses números representam o trabalho incessante das forças de segurança no Juruá, o que representa uma redução de mais de 53% nos últimos dois anos ( 2019 e 2020) nesta região e, com certeza dá notoriedade para todo o Estado do Acre”, ressaltou.

Segundo o coronel, os pilares que ajudaram nessa redução são designação, através do Governo do Estado, de recursos para fortalecer a segurança e a integração com as demais forças de segurança.

“O empenho do Governo do Estado que tem subsidiado com toda a logística necessária e o grande empenho de nosso efetivo. Ainda, tivemos recentemente a inauguração da sede da CPE que é uma motivação para os nossos policiais trabalharem de forma efetiva e quem ganha é a sociedade”.

Em Cruzeiro do Sul com o aumento de crimes contra o patrimônio, “Tomamos providências com operações especificas, tais como, Operação Coruja e Ordem Pública. Enfim, estamos atentos e já tivemos a redução de roubos e furtos no centro comercial de Cruzeiro do Sul”.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.