19.3 C
Rio Branco
17 maio 2022 5:54 am
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Canoa com família vira e indígena morre afogado em rio

Por tradição, o corpo da vítima deve ser enterrado em um cemitério local, na comunidade indígena próxima à Corumbá (MS).

POR G1

Pai, mãe e filho estavam em uma canoa, navegando pelo Rio Paraguai, próximo à Corumbá (MS), no Pantanal de Mato Grosso do Sul, quando o meio de transporte virou e caiu na água nesta quinta-feira (16). O pai, de 36 anos, morreu afogado. As outras duas vítimas conseguiram se salvar.

O caso chegou ao conhecimento da Polícia Civil, em Corumbá, por meio de um dentista que foi realizar trabalho na comunidade indígena onde a vítima morava. No local, o profissional tomou ciência dos fatos e disse que testemunhas encontraram o corpo da vítima e levaram para comunidade.

Então, que o dentista ligou para a polícia e contou sobre o caso e que o corpo estava em um local da comunidade indígena. As testemunhas disseram que o corpo permanecia no local, pois a comunidade possui tradição de realizar o enterro em um cemitério próprio.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.