31.3 C
Rio Branco
11 janeiro 2022 1:36 pm

Aliados de Lula tentam apagar incêndio com Geraldo Alckmin

POR IGOR GADELHA, METRÓPOLES

Última atualização em 11/01/2022 13:35

Aliados do ex-presidente Lula (PT) deram início, desde a tarde dessa segunda-feira (10/1), a uma operação para tentar minimizar os estragos da notícia de que o ex-governador Geraldo Alckmin estaria preocupado com a promessa feita pelo petista de revogar a reforma trabalhista, caso seja eleito presidente este ano.

Como a coluna revelou nessa segunda em primeira mão, a preocupação foi relatada por Alckmin, nome mais cotado para ser vice de Lula na disputa, em um encontro com o presidente do Solidariedade, deputado federal Paulinho da Força (SP), pela manhã, em uma padaria da cidade de São Paulo.

Ao dirigente do Solidariedade, Alckmin relatou que algumas entidades patronais já o teriam procurado nas últimas semanas demonstrando preocupação com as falas de Lula sobre o assunto. O ex-governador ressaltou ser contra a revogação total da reforma, aprovada durante o governo Michel Temer.

Pessoas próximas a Lula que defendem a chapa dele com Alckmin passaram a argumentar que a “preocupação” do ex-governador paulista seria, na verdade, um “interesse” em saber mais sobre a contrarreforma trabalhista feita na Espanha, defendida como modelo pelo petista.

Aliados de Lula admitem que o próprio ex-presidente e dirigentes do PT que defendem a proposta precisam explicá-la perante os políticos de centro e, principalmente, perante a sociedade. Eles prometeram enviar detalhes da proposta a Alckmin, para que o tema possa ser esclarecido.

Nesta terça-feira (11/1), Lula participa de uma reunião com políticos da Espanha para debater a contrarreforma trabalhista que está sendo feita naquele país. O encontro acontece de forma virtual e conta com participações de políticos do PSOE, partido do presidente da Espanha, Pedro Sánchez.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.