26.3 C
Rio Branco
20 maio 2022 2:54 pm

Downloader: servidor do Senado é preso com 2 mil vídeos de pedofilia

POR METRÓPOLES

Última atualização em 26/01/2022 13:38

Um técnico administrativo do Senado Federal, de 31 anos, preso na manhã desta quarta-feira (26/1) pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), foi flagrado com 2 mil arquivos de pornografia infanto-juvenil no celular.

O servidor teria baixado todos os arquivos em dois anos. O criminoso foi investigado pela Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Cibernéticos (DRCC) no âmbito da Operação Downloader 2. A ação contou com o apoio do Instituto de Criminalística (IC) e da Divisão De Inteligência Policial (Dipo).

Downloader: jovem é preso com 515 horas de vídeo de sexo com crianças

O mandado de busca e apreensão foi cumprido na casa do criminoso, no Riacho Fundo 2. No local, os policiais encontraram materiais relacionados à pedofilia infantil armazenados em um notebook e no celular, fato que resultou na prisão em flagrante do suspeito.

O detido acabou levado à carceragem da PCDF, onde permanecerá à disposição da Justiça. As penas para o delito de armazenamento de imagens e vídeos de exploração sexual infantil podem chegar a 4 anos de prisão. Foi arbitrada fiança de R$ 15 mil. O crime de disponibilização e divulgação de material de pornografia infantil prevê pena de 6 anos por cada compartilhamento.

Leia mais em Metrópoles.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 5.918 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.