29.3 C
Rio Branco
28 maio 2022 12:02 pm

Conheça “Princesinha Dourada”, o primeiro lutador gay do MMA

No mundo das lutas, a homossexualidade feminina é tratada com naturalidade. Washington Duarte chega para quebrar esse tabu entre os homens

POR METRÓPOLES

Última atualização em 25/04/2022 15:36

Washington Duarte Souza, conhecido como a “Princesinha Dourada”, entra para a história do mundo das lutas como o primeiro atleta do sexo masculino assumidamente gay. Nunca no MMA brasileiro alguém teve a coragem de quebrar esse tabu.

Apesar de entre as mulheres a homossexualidade ser tratada com naturalidade, com direito a ter grandes nomes como Amanda Nunes e Jéssica Bate-Estaca como representantes da comunidade LGBTQIA+, no masculino parece existir uma barreira. As informações são do portal G1.

“Primeira parte de preconceito que tive dentro do MMA foi um rapaz de uma cidade vizinha. Ele falou pro meu professor de jiu-jítsu que, se ele perdesse pra mim, ele iria embora da cidade. Eu ganhei a luta no primeiro round, nocauteei o menino e ele saiu da cidade”, contou Washington.

Sempre com um roupão colorido, ele entra no ringue ao som da música “Cheguei”, da cantora Ludmilla, e diz que os fãs vibram.

“Meu sonho é lutar em grandes eventos de MMA e ter uma oportunidade que até hoje não tive. Acredito em mim mesmo e tenho potencial para isso. O único gay assumido no MMA está sendo eu. Sei que tem mais pessoas, só que elas têm medo do preconceito, do que os outros vão falar. Peço para eles aparecerem e dizerem seus nomes, baterem no peito. Mostrar para as pessoas que a gente pode ir além daquilo que tentam limitar a gente”, diz Washington.

Washington, ainda segundo o G1, não se lembra quando se descobriu homossexual. Segundo ele, sempre foi algo natural em toda sua vida. Na academia, liderada pelo treinador Ricardo Macaco e que conta com o ex-UFC Tiago Trator como um dos atletas, Dourado (como também é chamado pelos mais próximos) sempre foi tratado com carinho pelos companheiros e é visto como um atleta de talento e potencial para chegar nos grandes eventos. Mas isso não impediu que ele fosse vítima de preconceito dentro do MMA.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 5.960 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.