31.3 C
Rio Branco
27 maio 2022 1:43 pm

No AC, professor cria projeto virtual que conta vivência de profissionais da Educação no ambiente escolar: “Tornar público o que acontece”

O projeto, segundo o idealizador, tem demonstrado ser um sucesso. "Nem nos meus melhores sonhos eu imaginaria que em 40 dias de trabalho, teríamos 2.660 pessoas com a gente"

POR REDAÇÃO CONTILNET

Última atualização em 19/04/2022 18:07

Um projeto acreano que discute temas relacionados à educação vem ganhando espaço nas redes sociais nas últimas semanas. Trata-se do “Professor Profissão Perigo”, do professor e jornalista Jorge Luiz Braun de Oliveira – ou, simplesmente, Jorge Braun -, que aborda sobre os meandros das salas de aula, bem como políticas que circundam este meio.

Jorge Braun é cearense e mora no Acre desde o início da década de 1980. O jornalista, que já atuou em rádios e na TV, é biólogo e trabalha na Fundação Elias Mansour (FEM). A ideia para colocar o projeto em prática veio das vivências que teve enquanto atuara como docente. Segundo ele, sentiu a necessidade de mostrar o que o professor vivencia, diariamente, dentro e fora do ambiente escolar.

“O projeto começou quando eu comecei a ver a falta de importância que as pessoas estavam dando aos professores, dos conflitos envolvendo professor, alunos, pais e direção de escolas, e de várias atitudes que existem nas salas de aulas, como pressão para aprovar alunos, projetos políticos pedagógicos e reuniões nos sábados. Então resolvi contar esses perrengues em sala de aula para tornar público o que acontece”, disse.

Assim começou. No dia 07 de março, Braun fez a primeira edição. Exponencialmente, o projeto foi crescendo a ponto de acumular, em 40 dias de execução, mais de 2,6 mil pessoas na página do Facebook.

DISCUSSÕES

Temas como assédio sexual, racismo na escola, preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) são abordados em lives realizadas de forma diária, de segunda a sexta-feira, com duração de 20 minutos, em média.

“Já discutimos vários assuntos, já fizemos duas entrevistas com professores que são referências no cenário educacional acreano, e assim vamos levando todos os dias de segunda a sexta-feira, atualizando sobre a educação, sobre o começo das aulas, greve, mas sempre falando com sobriedade para contrapor qualquer argumento contrário”, frisou.

Segundo ele, que sente dificuldade em manusear mídias eletrônicas, o projeto vem dando certo, sendo possível a administração das contas no Facebook, Instagram e TikTok. No YouTube, os vídeos também estão postados. Apesar do foco na educação, Braun destacou que o canal não é só sobre professores.

“Nem nos meus melhores sonhos eu imaginaria que em 40 dias de trabalho, teríamos 2.660 pessoas com a gente. Se espalhou muito rápido e a responsabilidade aumenta porque com todas as coisas que se discute na internet que não tem conteúdo, nós temos conteúdos interessantes porque falar”, pontuou.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 5.958 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.