21.6 C
Rio Branco
25 maio 2022 5:05 am

Concurso CVM 2023: novo edital é solicitado com 127 vagas

Novo concurso CVM é solicitado ao Ministério da Economia, visando ao preenchimento de 127 vagas, em cargos dos níveis médio e superior

POR FOLHA DIRIGIDA

Última atualização em 02/05/2022 16:18

Foi protocolado nesta sexta-feira, 29, o novo pedido de concurso CVM. Ao todo, a Comissão de Valores Mobiliários solicita ao Ministério da Economia 127 vagas, em cargos dos níveis médio e superior.

Do total de vagas solicitado, 50 são para a carreira de agente executivo, que exige o nível médio dos interessados e conta com remuneração inicial de R$7.647,98, já com o auxílio-alimentação de R$458.

O pedido enviado ao Ministério da Economia inclui ainda 27 vagas para inspetores e 50 para analistas. A primeira carreira exige o nível superior em qualquer área, enquanto a segunda requer a graduação em área específica.

No último concurso CVM, realizado em 2010, as chances foram para graduados em Contabilidade, Recursos Humanos, Arquivologia e Biblioteconomia. Ambos os cargos contam com remuneração de R$19.655,06, já com o auxílio-alimentação.

“A insuficiência do quadro de pessoal hoje existente e os riscos operacionais daí advindos vêm sendo objeto de alertas de nossa parte a esse Ministério recorrentemente, seja nos Relatórios de Supervisão Baseada em Risco, seja nos pedidos de autorização de concurso, seja em tratativas diversas”, diz o presidente da CVM, Marcelo Barbosa, no ofício ao ME.

No documento, Barbosa ressalta ainda que o pedido também está baseado na premente necessidade de mudança do perfil do servidor da CVM, de forma a incorporar ao quadro técnico da autarquia servidores que, além das competências exigidas no último concurso, também tenham conhecimentos em Ciência de Dados.

Segundo o presidente, tal conhecimento é necessário para supervisionar adequadamente o novo mercado intensivo em tecnologia que se consolidou ao longo da última década.

Veja como foi o último concurso CVM

O último concurso da CVM perdeu a validade em 2014. Ou seja, desde então não são contratados novos servidores efetivos. E isso só poderá ser feito quando um novo edital for homologado.

A seleção anterior foi aberta em 2010. Na ocasião, foram oferecidas 150 vagas para os cargos de inspetor, analista e agente executivo. No caso de analista, as especialidades concorridas eram nas áreas de Contabilidade, Recursos Humanos, Arquivologia e Biblioteconomia.

Na época, a organizadora foi a Esaf. Já os candidatos foram avaliados por meio de provas objetiva e de redação.

As disciplinas variaram de acordo com a escolaridade. Para o nível médio, por exemplo, foram cobradas questões de:

  • Língua Portuguesa;
  • Estrutura do Mercado de Valores Mobiliários;
  • Conhecimentos Básicos de Administração;
  • Conhecimentos Contemporâneos; e
  • Administração Pública.

Já as provas de nível superior tiveram perguntas sobre:

  • Língua Portuguesa;
  • Língua Inglesa;
  • Matemática Financeira;
  • Estrutura do Mercado de Valores Mobiliários;
  • Contabilidade;
  • Auditoria; e
  • Funcionamento do Mercado de Valores Mobiliários e Economia, entre outras matérias.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 5.945 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.