21.3 C
Rio Branco
30 junho 2022 8:04 am

“Diferente deles, a Jonhliane nasceu guerreira e não herdeira”, diz advogada

Jonhliane Paiva foi morta na manhã do dia 6 de agosto de 2020, por volta das 6h, ao longo da Av. Antônio da Rocha Viana

POR NANY DAMASCENO, DO CONTILNET

Última atualização em 19/05/2022 10:54

A advogada Gicielle Rodrigues, que representa a família de Jonhliane, teceu inúmeras críticas a atuação das bancas que defendem Alan Araújo e Ícaro.

Mas ao fim do seu tempo, Gicielle fez uma fala muito emocionante, a respeito de quem era a jovem que morreu na colisão.

“Muito foi falado aqui que a Jonhliane era uma sonhadora, mas quero enfatizar que ela era uma guerreira. Diferente deles [Alan e Ícaro], que provavelmente sentar nesse júri foi a primeira vez que tiveram que assumir uma responsabilidade, diferente dela, que acordava todos os dias às 5 da manhã e tinha inúmeras responsabilidades”, disse.

Jonhliane Paiva foi morta na manhã do dia 6 de agosto de 2020, por volta das 6h, ao longo da Av. Antônio da Rocha Viana, em Rio Branco, quando o veículo BMW, conduzida por Ícaro, chocou com a motocicleta que Jonhliane dirigia. Araújo dirigia um veículo marca VW, modelo Fusca 2.0T. Os dois foram flagrados em alta velocidade na avenida.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 6.095 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.