21.3 C
Rio Branco
30 junho 2022 8:11 am

Homem dá entrada no Pronto-Socorro de Sena após ser ferroado por arraia

Daniel participava de uma pescaria em um igarapé quando, em dado momento, entrou na água e teria pisado em cima da arraia

POR REDAÇÃO CONTILNET

Última atualização em 20/05/2022 08:53

Na tarde desta quinta-feira (19), o trabalhador rural identificado como Daniel Ramires, residente no seringal São Sebastião, rio Purus, deu entrada no Pronto Socorro do Hospital João Câncio Fernandes, em Sena Madureira, após ser ferroado por uma arraia.

De acordo com informações, Daniel participava de uma pescaria em um igarapé quando, em dado momento, entrou na água e teria pisado em cima da arraia. Ele foi socorrido por familiares e trazido em uma embarcação até o porto de Sena Madureira sentindo muitas dores.

A vítima continua internada no hospital de Sena em fase de recuperação.

Arraias

As arraias são peixes fora do desenho tradicional, pertencem ao mesmo grupo dos tubarões, dos quais difere pelo formato achatado do corpo. Existem arraias de água doce e marinhas.

O animal possui um ferrão serrilhado na cauda, que entra fácil e sai rasgando, por isso machuca muito, e é coberto por um muco que causa infecção. Após a ferroada, é necessário fazer uma série de procedimentos, que vão limpar o tecido morto e combater a ação das bactérias.

Uma prática muito difundida entre os ribeirinhos, pode ajudar a evitar acidentes desta natureza, como entrar na água arrastando os pés. “Ao entrar na água, ao invés de pisar as pessoas podem rastejar com os pés na areia. Se você tocá-la por baixo ou de lado ela vai se levantar e ir embora. O perigo mesmo é pisar no animal”, explicou o biólogo Sidicley Matos. 

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 6.095 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.