29.3 C
Rio Branco
28 maio 2022 11:34 am
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Irmãos são presos suspeitos de matar e esconder corpo de mulher

Polícia informou que crime teria acontecido após a vítima ter roubado cerca de 40 gramas de droga de um suspeito de participar do crime que está foragido

POR G1

Dois irmãos de 18 e 25 anos foram presos suspeitos de participarem da morte e ocultação do corpo de uma mulher no município de São Sebasatião do Uatumã, no interior do Amazonas, no domingo (8). Cinco pessoas são suspeitas do crime e três seguem foragidas.

De acordo com policiais da 44ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), um outro homem está sendo procurado pela polícia, além de outros dois adolescentes que aguardam decisão judicial. O crime ocorreu na noite de 22 de abril.

“O delito teria sido motivado pelo fato da vítima ter roubado cerca de 40 gramas de droga do suspeito que está foragido, que estava em liberdade condicional por tráfico de drogas. Ao descobrir que ela tinha roubado o entorpecente, ele decidiu armar uma emboscada para a mulher, juntamente com os outros quatro indivíduos”, informou a equipe policial.

Ainda segundo as autoridades, eles combinaram de se encontrar com a mulher às 20h, daquele dia, em uma localidade próxima à residência dos irmãos. No local, os infratores torturaram a mulher até a morte e abandonaram o corpo.

“Na madrugada do dia 23, por volta das 3h, eles retornaram, com um carro de mão, onde colocaram o corpo e ocultaram o cadáver, no ramal do Cairipé. O crime foi bastante brutal, com fraturas e deformações por todo corpo”, explicaram os investigadores.

Os policiais civis disseram ainda que, durante depoimento, os irmãos confessaram a prática criminosa e apontaram o suspeito que está foragido como mandante do crime.

Os irmãos vão responder pelos crimes de homicídio qualificado, ocultação de cadáver, associação criminosa e corrupção de menor, e ficarão à disposição da Justiça.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.