29.3 C
Rio Branco
29 junho 2022 10:41 am

Jararaca peçonhenta e jiboia de 2 metros são capturadas em fábrica de bebidas

As serpentes foram resgatados pela Polícia Militar Ambiental (PMA) e devolvidos à natureza

POR G1

Última atualização em 31/05/2022 15:31

A Polícia Militar Ambiental (PMA) capturou duas serpentes em uma fábrica de bebidas no anel rodoviário, em Campo Grande (MS), na tarde de segunda-feira (30). A jararaca e a jiboia estavam embaixo de palets onde são armazenadas bebidas. (Veja o vídeo acima).

CLIQUE AQUI para ver o vídeo.

Os animais foram capturados com uso de gancho especial e foram colocadas em caixas de contenção para serem encaminhadas ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (Cras).

Segundo a PMA, a cobra boa constrictor, conhecida popularmente como jiboia, não é venenosa, alimenta-se principalmente de aves, mamíferos pequenos e lagartos grandes e engole a presa pela cabeça. A jiboia capturada tem cerca de 2 metros.

Outra serpente capturada foi a bothrops moojeni, conhecida como jararaca, de 1,3 metro e é considerada extremamente peçonhenta. Conforme a PMA, essa é a serpente mais agressiva existente e responsável pelo maior número de acidentes dentre todas as jararacas. Ela alimenta-se de pequenos roedores.

Apesar de ser muito perigosa, ela costuma fugir quando é vista. Há cerca de 30 tipos de jararacas no Brasil, sendo elas responsáveis por 90% dos acidentes por picada de cobras peçonhentas em humanos.

Orientações

A PMA orienta que ao avistar uma cobra ou qualquer outro animal peçonhento ou silvestre, a pessoa mantenha sempre uma distância de segurança entre ela e o animal.

Além disso, jamais tente capturar o animal, pois poderá deixar ele estressado, o que aumenta as chances de um ataque. A recomendação é acionar o 193 e manter o local o mais seguro possível.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 6.088 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.