21.3 C
Rio Branco
28 maio 2022 12:20 am

Jorge Viana lidera disputa pelo senado com 21%; Alan e Jéssica empatam com 16%, aponta pesquisa

A pesquisa foi realizada entre os dias 28 de abril à 1 de maio e ouviu 1.060 pessoas em 15 cidades do Acre. O levantamento foi registrado no Tribunal Regional Eleitoral do Acre com o número AC 04011/2022

POR REDAÇÃO CONTILNET

Última atualização em 06/05/2022 09:53

O Instituto Badra Comunicação, de São Paulo, divulgou nesta sexta-feira (6), as intenções de voto para o senado no Acre, disputada nas eleições deste ano. Segundo a pesquisa, o ex-senador Jorge Viana (PT) aparece em primeiro lugar, com 21,2% das intenções, seguido dos deputados federais Alan Rick (União Brasil) e Jéssica Sales (MDB), que registraram 16%.

Márcia Bittar (PL) aparece na quarta colocação com 14,2%, na quinta posição, a deputada federal Vanda Milani (PROS), com 6,3% e no último lugar, o advogado Sanderson Moura, com 2,2% das intenções de votos.

Nulo, branco ou nenhum registraram 12,5% e pessoas que não sabem em quem votar somam 11,6%.

Em um cenário estimulado sem Jorge Viana, a deputada Jéssica Sales lidera as intenções, com 17%. Alan Rick aparece com 16,3%, Márcia Bittar com 13,9%, Jenilson Leite com 10,9%, Vanda Milani 6,1% e Sanderson 2,2%. As opções nulo, branco ou nenhum somam 16% e não souberam 17,7%.

A pesquisa foi realizada por telefone em 15 municípios acreanos, sendo Acrelândia, Brasileia, Cruzeiro do Sul, Epitaciolândia, Feijó, Jordão, Manoel Urbano, Marechal Thaumaturgo, Plácido de Castro, Porto Acre, Rio Branco, Sena Madureira, Senador Guiomard, Tarauacá, Xapuri. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos, com nível de confiabilidade de 95%.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 5.958 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.