29.3 C
Rio Branco
28 junho 2022 12:48 pm

Acreano que ficou paraplégico faz rifa de fazenda para pagar tratamento na Inglaterra

O sorteio da rifa ocorrerá no dia 30 de setembro deste ano

POR REDAÇÃO CONTILNET

Última atualização em 20/06/2022 16:53

Residente no Bairro São Felipe, em Sena Madureira, o autônomo Izailton Gadelha, 30 anos de idade, sofreu uma profunda mudança em sua vida no ano de 2016. Ao se encontrar na comunidade Providência, Rio Macauã, ele caiu de cima de uma árvore (mangueira) e, por conta do acidente, ficou paraplégico.

Ouvido com exclusividade pela reportagem do ContilNet, disse que vem lutando ao longo desses anos e que seu maior sonho é poder andar novamente. “Esse acidente mudou a minha vida completamente. Hoje, dependo das pessoas praticamente para tudo, mas não perdi as esperanças”, frisou.

A família descobriu, mediante algumas pesquisas, que há um tratamento raro que pode reverter a situação. Na verdade, são dois procedimentos: colostomia e um transplante medular.

Tal tratamento é feito na Inglaterra e custa em torno de 337 mil reais.

Visando angariar todo esse recurso, a família de Izailton Gadelha está promovendo uma rifa cujo prêmio são 155 hectares de terras que ficam no ramal do Narcélio, zona rural de Sena Madureira. As terras estão avaliadas em mais de 300 mil.

“Para muitos, pode parecer impossível, mas eu tenho fé e peço que a população acreana me ajude nessa batalha. Tenho somente 30 anos de idade e repito: o meu maior sonho é voltar a andar”, disse ele.

O sorteio da rifa ocorrerá no dia 30 de setembro deste ano.

Quem quiser adquirir a rifa ou ajudá-lo de alguma maneira, o contato é (68) 99988-5303.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 6.085 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.