23.3 C
Rio Branco
28 junho 2022 8:50 pm
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Disputando vaga na Câmara Federal, Socorro Neri pode repetir feito da mãe, a ex-deputada Adelaide Neri

POR THIAGO CABRAL, DO CONTILNET

Legado

A ex-prefeita de Rio Branco e pré-candidata a deputada federal, Socorro Neri (PP), pode repetir o feito de sua mãe caso seja eleita. É que a ex-prefeita é filha de Adelaide Neri, que foi deputada federal pelo Acre nos anos 90. Adelaide era professora e, assim como Socorro, tinha a educação como principal bandeira.

História

Adelaide Neri era professora formada pela UFAC e militante do antigo PMDB. Foi diretora do Departamento de Ensino Supletivo da Secretaria de Educação e Cultura do Acre em 1983, no governo Nabor Júnior, sendo mantida no cargo por Iolanda Fleming e Flaviano Melo até renunciar em 1990, quando se candidatou e se elegeu deputada federal. Já em 1994, quendo foi candidata a reeleição, ficou na terceira suplência. Foi convocada para o exercício do mandato durante a passagem de Chicão Brígido pela Secretaria Especial de Representação Política e Cidadania de Rio Branco, na gestão do prefeito Mauri Sérgio. A ex-deputada morreu em 25 de maio de 2018, aos 77 anos.

Chapa difícil

Mesmo com o Progressistas tendo montado uma chapa fortíssima para deputado federal, Socorro é uma das favoritas. Se eleita, tenho certeza que fará um belo mandato.

Ninho tucano

Com a retirada da pré-candidatura de João Doria (PSDB) à presidência da República, esta vai ser a primeira vez que o PSDB não terá candidato para o cargo mais alto do país desde a redemocratização. Em pensar que até pouco tempo, os tucanos tinham três políticos brigando pela vaga: João Doria, Eduardo Leite e Arthur Virgílio. A decisão do PSDB foi de apoiar a candidatura de Simone Tebet, do MDB.

Ninho tucano 2

Por falar em ninho tucano, os principais personagens do partido na briga pela candidatura de presidente deram novos passos nos últimos dias. Ontem, o ex-governador de São Paulo, João Doria, disse que sai da vida pública e volta para a iniciativa privada. Hoje foi a vez de Eduardo Leite dizer que é candidato à reeleição ao Governo do Rio Grande do Sul. Que reviravolta.

Feliz aniversário

Hoje, 13 de junho, é aniversário do ex-prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre (PT). O petista é pré-candidato a deputado estadual e deve arrastar uma quantidade considerável de votos. Corre sério risco de ser o mais votado desse pleito. Parabéns, ‘Chame chame’.

Entrevista

O ex-prefeito foi inclusive um dos entrevistados do ContilNet na semana passada. Falou sobre o tempo de prefeitura, as eleições deste ano, e sua relação com a sua vice, Socorro Neri, que ficou estremecida após ele ter renunciado ao cargo de prefeito para concorrer ao Governo. Para assistir a entrevista, clique AQUI.

Interior

Em andanças pelo interior do estado, o deputado estadual Luís Tchê (PDT) vem fortalecendo sua candidatura à reeleição mas sem esquecer do partido. Em Epitaciolândia, se reuniu com alguns jovens de olho na renovação partidária. “Eu acredito que um partido forte é necessário para o crescimento do nosso país e para a manutenção da nossa democracia”, disse.

Manifesto

A Associação Brasileira de Economistas pela Democracia deve lançar, nesta terça-feira (14), um manifesto a favor da pré-candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) à Presidência da República e do ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSB) a vice-presidência.

Pauta

O documento vai abordar e defender as posições que Lula já vem defendendo na área econômica. Os economistas pedem a revisão da política de paridade de preços dos combustíveis a valores internacionais, o fim do teto de gastos e a revisão das reformas trabalhista e previdenciária. “Temos clareza de que o retorno do Brasil a uma trajetória de progresso civilizatório passa, necessariamente, pela eleição da chapa Lula-Alckmin no 1º turno das eleições gerais”, diz trecho do manifesto.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.