20.3 C
Rio Branco
27 junho 2022 12:33 am

Governo do Acre promove qualificação para educação indígena em Cruzeiro do Sul

POR SECOM

Última atualização em 09/06/2022 13:22

A educação indígena recebeu qualificação, por meio de uma formação desenvolvida pelo Núcleo Estadual de Educação do Município de Cruzeiro do Sul. A ação, que aconteceu entre os dias 18 e 19 de maio, teve como objetivo qualificar e preparar os professores dessa modalidade de ensino, para garantir melhores condições de aprendizado.

Coordenador da Educação Indígena, Orlando Pereira dos Santos, realizando formação com os professores e gestores. Foto: assessoria

O evento de qualificação contou com a presença das lideranças indígenas, o que reforçou a importância do momento para a qualidade da educação das crianças e jovens indígenas. As aulas ministradas abordaram diversos temas, entre eles a interculturalidade como eixo essencial ao ensino escolar, reforçando a igualdade cultural entre os povos.

Momento de fala da coordenadora de ensino do Núcleo de Educação de Cruzeiro do Sul, Rocinete Santos. Foto: assessoria

Para Rocinete Santos, coordenadora de ensino do Núcleo de Educação de Cruzeiro do Sul, a educação indígena precisa desse tipo de iniciativa do governo: “Como as demais modalidades de ensino, a educação indígena também precisa de uma atenção especial, focando na capacitação de professores como ação essencial para a qualidade das escolas indígenas”.

Equipe do Núcleo de Educação, lideranças indígenas e professores que participaram da formação. Foto: assessoria

Orlando Pereira dos Santos, coordenador da Educação Escolar Indígena em Cruzeiro do Sul, falou sobre a importância do evento: “A formação foi importante, pois, após muito tempo paradas por causa da pandemia, as escolas retornaram e ainda não tínhamos tido um processo de formação. Esse momento é importante, onde o professor pode planejar e produzir, articulado com a vida cultural do aluno. A escola indígena deve sempre levar em consideração a cultura de cada povo”.

E continuou: “Foram dois dias de muito estudo, onde os professores e as lideranças debateram o ensino e a relação com as tradições e costumes de cada povo, para gerar um planejamento que possa se adequar às necessidades da educação indígena”, finalizou Orlando.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 6.087 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.