29.3 C
Rio Branco
18 agosto 2022 8:35 am

Justiça mantém pena de assassinos da sogra de ex-secretária de Fazenda do Acre

POR REDAÇÃO CONTILNET

Última atualização em 28/06/2022 14:27

Condenados a mais de 40 anos de prisão cada um, Marciano Melo Marinho e Jeferson da Silva pediram a revisão da sentença na Justiça. A dupla é acusada de matar a golpes de facão e tiro o casal Tereza da Silva Santos, que tinha 64 anos, e Cosmo Ribeiro Moura, de 43 anos na época do assassinato. O crime ocorreu em janeiro de 2020.

Apesar do pedido de revisão feito pela defesa da dupla, dois dos três desembargadores da Câmara Criminal do Tribunal de Justiça negaram o pedido, mantendo a condenação em 40 anos de prisão para cada um.

Em setembro do ano passado, a Justiça do Acre condenou três dos cinco acusados de matar o casal, em regime inicial fechado por homicídio duplamente qualificado.

Além de Marciano Marinho e Jefersson Almeida da Silva, que foram condenados a 40 anos de reclusão, Antônio Eliel de Sousa Gomes foi condenado a 30 anos. Foram inocentados do crime Francisco Almeida da Silva e Alisson Souza de Olinda.

No entanto, o MPAC entrou com um pedido de realização de um novo júri para Alisson e Francisco.

Tereza da Silva era sogra de Semírames Dias, ex-secretária de Fazenda do Governo do Estado do Acre.

 

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.