23.3 C
Rio Branco
18 agosto 2022 7:59 am

Vereador José Costa decide a favor de Mazinho e prefeito vai continuar remanejando 40% do orçamento

A Câmara municipal de Sena Madureira é composta por 13 vereadores

POR REDAÇÃO CONTILNET

Última atualização em 29/06/2022 19:46

Os vereadores de Sena Madureira realizaram na noite desta terça-feira (28), a última sessão ordinária desse primeiro semestre e o encontro foi marcado por mais uma polêmica. A pauta dessa vez foi a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), em um ponto específico: O percentual dos créditos suplementares a ser remanejado pelo prefeito que atualmente é de 40% de todo o orçamento da Prefeitura.

Na tribuna da Câmara, o vereador Elvis Dany (PP), apresentou uma emenda modificativa, por meio da qual reduzia esse percentual de 40% para apenas 2%. “Atualmente o poder executivo pode remanejar 40% dos recursos de todo o orçamento sem dar nenhuma explicação para a Câmara, ou seja, o prefeito faz do jeito que bem quer. Precisamos reduzir esse percentual. Isso nos garantirá a melhor aplicabilidade do recurso público”, frisou.

Mas, durante a votação na ordem do dia, a emenda modificativa não prosperou. O vereador José Costa (PTB), foi decisivo na votação já que a base do prefeito é menor do que a oposição.

José Costa que vinha seguindo em alguns momentos o entendimento da oposição votou para que os 40% fossem mantidos, dando aval juntamente com os vereadores da base para que o prefeito continue atuando sem precisar repassar informações à câmara. “Eu votei porque esse projeto não foi combinado comigo. Eu acho um absurdo 40%, mas não chegaram até mim perguntando a minha opinião. É como se eu fosse apenas um qualquer. Não é assim, tem que combinar”, disse o vereador.

Elvis Danny que defendeu a redução do percentual confrontou José Costa e afirmou que conversou sim com o parlamentar. “Nós conversamos por diversas vezes, onde expliquei a importância dessa redução. Não foi por falta de conversa, vereador. Pode ter sido por outros fatores. Hoje nós tivemos a chance de fazer a diferença, mas infelizmente não foi possível. Acredito que não há a necessidade do prefeito dominar grande parte do orçamento e remanejar os recursos sem dar explicação nenhuma aos vereadores”, frisou.

A Câmara municipal de Sena Madureira é composta por 13 vereadores.

Declaradamente o prefeito tem somente seis vereadores na base: Ivoneide Bernardino (MDB), Alípio Gomes (MDB), Dos Anjos (MDB), Carlos Belisa (MDB), Canário (PTB) e Sidiney Araújo (PP). Teoricamente a oposição tem sete vereadores: Pantico (PP), Charmes Diniz (PP), Jacamin (PP), Elvis Dany (PP), Gilberto Diniz (MDB), Denis Araújo (PSDB) e José Costa (PTB). Com isso, poderia ter aprovado a emenda modificativa de Elvis Dany.

Cabe um lembrete: O vereador José Costa disse, em datas anteriores, que faz um mandato independente, votando as matérias de acordo com a sua consciência. Na votação de ontem, decidiu votar a favor de Mazinho.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.