29.3 C
Rio Branco
17 agosto 2022 8:44 pm

Ar-condicionado e geladeira consomem até 30% mais energia em dias de calor intenso

POR ASCOM

Última atualização em 13/07/2022 15:59

Dias de intenso calor como esses que o acreano tem enfrentado, exigem muito de equipamentos como ar-condicionado e geladeira. E você sabia que eles têm o funcionamento alterado devido as altas temperaturas?

É o que se observa é que o consumo de energia desses equipamentos pode aumentar entre 15% e 30% em dias de calor intenso. No caso da geladeira isso se explica pela troca de ar com o ambiente externo. Toda vez em que a porta é aberta, sai o ar frio do equipamento e entra o ar quente. Assim, o motor precisa trabalhar mais para chegar à temperatura interna ideal.

Já o ar-condicionado consome mais energia para manter o ambiente agradável em dias de calor intenso. Se a temperatura ambiente estiver em 33º, por exemplo, o aparelho terá que trabalhar muito mais para chegar ao mesmo conforto do que se a temperatura externa estivesse em 27º. Ou seja, mesmo sem perceber e sem mudar hábitos, o gasto com consumo de energia elétrica pode subir nos dias mais quentes.

O especialista em Eficiência Energética da Energisa Acre, Antônio Carlos Alves, explica que é perceptível a mudança de comportamento das pessoas e dos equipamentos nos períodos de altas temperaturas.

“O fato é que quanto mais alta a temperatura, maior a variação de consumo. Um ar-condicionado que ficava ligado seis horas nos outros meses do ano, por exemplo, vai demandar mais energia para deixar o ambiente fresco nos dias mais quentes. Ou seja, ainda que o hábito da família não mude, é possível que haja um aumento de consumo exclusivamente por conta do calor”, alerta.

Essa demanda maior de energia no verão é comum também em outros equipamentos domésticos de refrigeração como bebedouros de água e até ventiladores. Por isso, a Energisa ressalta a importância de adotar hábitos de consumo consciente o ano todo para evitar o desperdício de energia e o susto no orçamento ao final de cada mês.

Para entender melhor como o clima influencia na conta de luz, a Energisa conta com o apoio do ‘Descomplicador’. Com uma linguagem leve e divertida, o humorista usa uma forma simples e didática para esclarecer conceitos e informações sobre a conta de energia. Para assistir, clique aqui.

E fique atento a algumas dicas para economizar energia e evitar variações na conta:

Busque sempre que possível comprar equipamentos com selo do Programa Brasileiro de Etiquetagem preferencialmente classe A, pois são energeticamente mais eficientes;

O aparelho de ar-condicionado deve ser comprado com o correto dimensionamento para o ambiente a ser utilizado. Quanto maior o ambiente, mais potente precisa ser o aparelho;

Se o equipamento for antigo, dê preferência pela substituição de um equipamento novo, com maior eficiência;

Ao usar o ar-condicionado, garanta que as janelas e portas do ambiente estejam fechadas;

Utilize o ar-condicionado na temperatura entre 22°C e 24°C e ao ficar muito tempo fora do ambiente, desligue o equipamento;

Limpe os filtros do ar condicionado a cada quinze dias. E faça uma higienização completa com uma empresa especializada entre 6 meses e 1 ano a depender da intensidade da utilização. A sujeira dificulta a passagem do ar e reduz a eficiência do equipamento.

Instale sua geladeira longe de locais ou equipamentos de aquecimento como, forno elétrico, fogão, churrasqueira e micro-ondas;

Realize a instalação do equipamento preferencialmente fora do alcance da irradiação solar direta;

Procure reduzir a abertura da geladeira, assim a conservação da temperatura interna será mantida com menor uso do compressor;

Não guarde alimentos quentes;

Não use a parte de trás de geladeiras e freezers para secar roupas ou sapatos. Isso reduz a eficiência do equipamento;

Não desligue o equipamento à noite para ligá-lo na manhã seguinte.

Verifique constantemente se a vedação do equipamento está em boas condições.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.