26.6 C
Rio Branco
18 agosto 2022 10:10 pm

Caso Dom e Bruno: “Colômbia” sacou seguro-desemprego e Bolsa Família

O traficante, acusado do duplo homicídio, embolsou nove parcelas do auxílio emergencial, entre abril e dezembro de 2020, somando R$ 4,2 mil

POR METRÓPOLES

Última atualização em 08/07/2022 15:35

O traficante peruano Rubens Villar Coelho, conhecido como Colômbia, suspeito de ser o mandante dos assassinatos do indigenista Bruno Pereira e do jornalista britânico Dom Phillips, na região do Vale do Javari, no Amazonas, usou dinheiro proveniente de vários benefícios pagos pelo governo brasileiro.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.