24.3 C
Rio Branco
10 agosto 2022 12:55 pm
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Jovem é morto por engano em hotel no e suspeitos são presos

Um adolescente também foi apreendido por suspeita de envolvimento no assassinato. Um quarto suspeito está sendo procurado

POR G1

Ivan Santana de Miranda, de 24 anos, foi morto por engano, em um hotel no Centro de Manaus, no sábado (30), segundo a Polícia Civil do Amazonas (PC-AM). Neste domingo (31), dois homens foram presos e um adolescente foi apreendido por suspeita de envolvimento no assassinato.

Um quarto suspeito está sendo procurado.

De acordo com a polícia, o crime aconteceu na manhã de sábado 8h, em um hotel localizado na Avenida Joaquim Nabuco, bairro Centro, Zona Sul de Manaus.

Dois suspeitos foram presos ainda no sábado, no Centro. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), em conjunto com a Polícia Militar do Amazonas (PMAM), prendeu, em flagrante, um jovem de 19 anos por volta das 8h30 e um outro homem, de 29, às 11h.

Conforme o delegado Ricardo Cunha, titular da DEHS, o crime teve a participação de um adolescente de 15 anos e de um quarto suspeito conhecido como “Gordinho”.

“O grupo criminoso alegou que Ivan foi morto por engano, em seu local de trabalho. Dois deles, no dia do crime, ficaram do lado de fora, e outros dois abordaram a vítima na recepção, onde Nelson efetuou os disparos de arma de fogo contra Ivan”, afirmou o delegado.

Segundo Ricardo Cunha, meia hora após o homicídio, durante patrulhamento de rotina pelo Centro, policiais militares perceberam que o jovem de 19 anos e o adolescente apresentaram “atitudes suspeitas”, quando viram a viatura da PM.

Os PMs fizeram abordagem e revista pessoal. Com a dupla, os policiais encontraram o celular que pertencia a Ivan Santana. De acordo com a polícia, o aparelho foi levado após o homicídio.

O jovem e o adolescente foram levados para a Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai).

“Durante os procedimentos, o menor confessou sua participação no ato infracional análogo ao crime de homicídio. Nossa equipe foi acionada pelos colegas da Deaai, ocasião em que fomos ao local do fato e tivemos acesso às imagens das câmeras de segurança do estabelecimento, e constatamos a participação dos dois, além de outros dois indivíduos, no delito”, explicou Cunha.

Segundo o delegado, em depoimento, a dupla disse que os outros dois suspeitos estavam escondidos, e apontou o local do esconderijo.

No local, os policiais prenderam apenas o homem de 29 anos, apontado como autor dos disparos. O quarto suspeito fugiu do local com a arma do crime. Ele está sendo procurado pelas autoridades.

Procurado

O quarto suspeito no crime, identificado apenas como Jair, e conhecido como “Gordinho”, é apontado pela DEHS como o mentor do crime.

“Quem tiver informações acerca da localização desse infrator deve entrar em contato pelo número (92) 98118-9535 ou pelo 181, da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM)”, ressaltou o delegado.

Procedimentos

Os dois homens presos vão responder por homicídio qualificado e corrupção de menor. Eles ficarão à disposição da Justiça.

O adolescente foi encaminhado à Deaai.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.