Abandono: obras no Hospital do Câncer do Acre seguem paralisadas por falta de recursos


Devido à paralisação das obras, os pacientes que necessitam de radioterapia estão sendo remanejados para Tratamento Fora de Domicílio

REDAÇÃO CONTILNET

Nas fotos enviadas por um leitor do site ContilNet, é possível ver o abandono das obras no Hospital do Câncer do Acre (Unacon), localizado em Rio Branco. As obras estão paradas desde outubro do ano passado.

OBRAS PARALISADAS

De acordo com a assessoria da Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), as obras na Unidade de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon) se encontram, de fato, paralisadas.

A obra encontra-se estagnada devido ao Termo de Paralisação emitido em 20 de outubro de 2017. Foto: Reprodução

“Foi contratado por meio do Contrato Administrativo nº 286/2016 a empresa Esquadro Construção e Comércio Importação e Exportação LTDA, para execução dos serviços na ordem de R$ 1.286.943,19”, explica a nota.

Ainda de acordo com as informações da assessoria, foi emitida uma Ordem de Serviço e Execução em 26 de maio de 2017, chegando a contratada a executar 1.6% do Cronograma Físico-Financeiro pactuado.

Entretanto, a referida obra encontra-se estagnada devido ao Termo de Paralisação emitido em 20 de outubro de 2017. O termo foi resultado da discordância do Ministério da Saúde, que não foi favorável à solicitação da Sesacre e da programação do Contrato Administrativo n° 286/2016.

Sesacre destacou que obras serão concluídas com recurso próprio do Estado. Foto: Reprodução

“Vale ressaltar que por diversas vezes nos reunimos com a área técnica do Ministério da Saúde responsável pela análise e prorrogação do referido contrato, bem como enviamos ofícios para o Ministério da Saúde, justificando a importância da continuidade de repasse da conclusão da obra”, afirma a nota técnica da Sesacre.

A secretaria informou também que a obra será retomada e executada com Recurso Próprio do Estado, mas que, até o momento, não possui valor e prazo de conclusão definidos.

POPULAÇÃO DESAMPARADA

Devido à paralisação das obras, os pacientes que necessitam de radioterapia estão sendo remanejados para Tratamento Fora de Domicílio (TFD), já que a sala onde será instalado um novo aparelho acelerador linear – equipamento que emite a radiação utilizada em diversos tratamentos contra o cãncer – passa por obras.

A unidade de saúde destaca que, apesar das obras paralisadas, as consultas, atendimentos, quimioterapia, agendamento de exames e outros serviços continuam disponíveis para a população.

HOSPITAL DE BARRETOS

Em abril deste ano, durante encontro com o governador Tião Viana, o presidente do Hospital de Câncer de Barretos, Henrique Prata, apresentou o cronograma atual das obras e implementação do projeto de sua filial em Rio Branco.

De acordo com a divulgação da assessoria do governo do Acre, duas carretas do Hospital irão percorrer o Estado e a unidade deverá ser finalizada até o fim deste ano em terreno cedido pelo governo, após decisão judicial, avaliado em R$ 10 milhões.

 

 

 

comentários

Outras Notícias

Veja Também