Rio Branco, Acre,





Papa reconhece milagre que criará nova santa na Igreja


A beata suíça Margarita Bays será canonizada

NOTÍCIAS AO MINUTO

O papa Francisco autorizou nesta terça-feira (15) a promulgação do decreto que reconhece um milagre atribuído à beata Margarita Bays (1815-1879), que se tornará santa da Igreja Católica.

Nascida em Siviriez, na Suíça, Bays fazia parte da Terceira Ordem de São Francisco de Assis e viveu como dona de casa e catequista. Ela teria se curado milagrosamente de um tumor no intestino em 8 de dezembro de 1854, quando o papa Pio IX proclamou o dogma da Imaculada Conceição.

“Hoje, 15 janeiro de 2019, o Santo Padre Francisco recebeu em audiência o cardeal Angelo Becciu, prefeito da Congregação das Causas dos Santos. Durante a audiência, o Sumo Pontífice autorizou a Congregação a promulgar o decreto sobre o milagre atribuído à beata Margarita Bays”, diz uma nota do Vaticano.

O Papa também aprovou o decreto que reconhece o martírio da serva de Deus Maria del Carmen e de 13 companheiras, assassinadas na Espanha em 1936. Elas se tornarão beatas. Além disso, o Pontífice reconheceu as “virtudes heroicas” das servas de Deus Anna Kaworek, da Polônia, e Maria Soledad Sanjurjo Santos, de Porto Rico.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Outras Notícias

Veja Também