Rio Branco, Acre,





Professores ameaçam boicotar ano letivo e prometem pular carnaval em frente à Casa Civil


O movimento já fechou a Avenida Brasil e a rua Marechal Deodoro em Rio Branco, impedindo a passagem de veículos e ônibus

SAIMO MARTINS, DO CONTILNET

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Acre (Sinteac), liderado pela presidente Rosana Nascimento, realizou uma manifestação em frente à Casa Civil contra um impedimento na Lei que não permite a contratação imediata de professores que estavam atuando na profissão. O movimento já fechou a Avenida Brasil e a rua Marechal Deodoro em Rio Branco, impedindo a passagem de veículos e ônibus, deixando o trânsito congestionado.

Os profissionais que fizeram o concurso em 2018 afirmam que se não houver um entendimento por parte do governo, irão fazer um boicote, impedindo o início do ano letivo.

Protesto em frente à Casa Civil/Foto: ContilNet

Segundo o professor Jorge Neto, a busca “não é por algo impossível”. O desejo da classe é que seja cumprida a ordem das vagas no concurso. “Só queremos ser chamados. Mas, caso não ocorra isso, iremos tumultuar e impedir o início do ano letivo nas escolas”, enfatizou.

De acordo com Rosana “cerca de 5 mil professores estão desempregadas”, por conta do término dos contratos com a Secretaria de Educação.

/Foto: Reprodução

Alguns manifestantes chegaram a um consenso sobre “pular o Carnaval” em frente à Casa Civil, caso Gladson Cameli não tome providências. “Vamos vir aqui pra frente e pular aqui o nosso Carnaval”, comentou um dos sindicalistas.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Outras Notícias

Veja Também