Rio Branco, Acre,


FIEAC recebe embaixador de Israel em Encontro Empresarial

Yossi Shelley falou a empresários acreanos e enalteceu o potencial dos produtos do Estado

A Federação das Indústrias do Estado do Acre (FIEAC) sediou, no início da noite desta sexta-feira, 11, o Encontro de Empresários Para Comércio Exterior, que contou com a ilustre presença do embaixador de Israel no Brasil, Yossi Shelley, que falou a líderes empresariais e políticos sobre as relações comerciais entre o país do Oriente Médio e o Brasil.

Antes de iniciar a reunião, Shelley prestigiou uma mostra de produtos acreanos que foram expostos no hall da FIEAC, com empresas participantes do Projeto de Internacionalização que vem sendo conduzido pelo Fórum Permanente de Desenvolvimento do Acre. O embaixador comentou que ficou impressionado com a qualidade de tudo o que foi apresentado. “Pretendemos comprar mais do Brasil. Gostei muito do que vi no Acre. Há grande potencial e podemos fazer negócios que sejam positivos para os dois países”, enfatizou.

PUBLICIDADE

Já o presidente da FIEAC, José Adriano, anfitrião do evento, ressaltou que a agenda é resultado das ações do Plano Acreano da Cultura Exportadora (Pacex), movimento que tem feito um grande esforço para desenvolver o setor produtivo local e estimular o comércio exterior, e que conta com o envolvimento das federações representativas, do Sebrae, da Secretaria de Indústria, Ciência e Tecnologia (Seict), do Fórum Permanente de Desenvolvimento, entre outras instituições e entidades.

“Estamos honrados em receber o embaixador Yossi Shelley. Acreditamos que podemos ter uma relação mais próxima com Israel e que essa cooperação trará resultados positivos para todos os envolvidos. Nossas empresas precisam se preparar para exportar para todas as regiões do mundo e Israel está incluído nessa lista de países”, assinalou o empresário.

Presente no evento, o vice-governador Major Rocha comentou que a vinda do embaixador ao Acre é estratégica para as pretensões do estado em desenvolver o setor de comércio exterior. “O Acre tem muitas possibilidades na indústria e na produção rural. Não é fácil empreender na Amazônia, mas desde o início do nosso governo temos como desafio contribuir para que os produtos acreanos alcancem o mercados externo, pois sabemos do potencial que temos. Já nos reunimos com as embaixadas da China, Peru e também estamos estreitando as relações com Israel com o objetivo de crescer e desenvolver o nosso Acre”, salientou.

Durante o encontro, houve também uma apresentação do consultor de comércio exterior do Fórum Permanente de Desenvolvimento do Estado do Acre, Victor Hugo Rondon, que destacou os dados da balança comercial Brasil-Israel no último biênio, enfatizando as exportações do setor do agronegócio brasileiro e as importações de fertilizantes israelenses.

Ainda durante o evento, foi entregue uma primeira versão do portfólio do potencial acreano para o comércio exterior, que vem sendo desenvolvido também pelo Fórum de Desenvolvimento.

Também estiveram presentes no encontro o deputado federal Alan Rick; o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária (Faeac), Assuero Veronez; os secretários de Estado Anderson Abreu (Indústria, Ciências e Tecnologia), Eliane Sinhasique (Empreendedorismo e Turismo), Edivan Azevedo (Produção e Agronegócio), e representantes da Fecomércio, entre outras autoridades. Após a reunião, as federações representativas e empresários oferecem um jantar de cortesia ao embaixador de Israel.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up