Rio Branco, Acre,


Chinês ganha US$ 5 bilhões em um dia e se torna o sexto mais rico do mundo

Colin Zheng Huang, fundador da Pinduoduo, foi outro chinês a registrar ganhos

A pessoa mais rica da China acaba de somar mais US$ 5,4 bilhões em sua fortuna. Zhong Shanshan, presidente da empresa de água mineral Nongfu Spring, é a sexta pessoa mais rica do mundo, com um patrimônio estimado em US$ 92,1 bilhões, graças a um aumento extraordinário nos preços das ações da companhia. A Nongfu Spring abriu capital em setembro, e as ações triplicaram de valor nos últimos quatro meses. Só ontem (5), os papéis subiram 6,5%.

Segundo o prospecto de oferta, Zhong é dono de 84,4% da empresa. Ele e os parentes de sua esposa possuem outros 6,2% combinados, e outros investidores, atuais ou antigos funcionários e conselheiros, possuem 6%. Embora a empresa afirme ter 14% em ações públicas, na realidade, o público possui apenas 3,5%. O documento declara que “no geral, pelo menos 25% do total de ações de capital compartilhado devem pertencer ao público.” A companhia afirma que estava isenta dessa exigência antes de ser cotada.

Zhong também superou o indiano Mukesh Ambani ao se tornar a pessoa mais rica da Ásia no mês passado. Ambani, com uma riqueza estimada em US$ 76 bilhões, aparece em 10º lugar na lista da Forbes dos bilionários globais.

De acordo com um repórter e um agente de vendas, Zhong largou a escola ainda nos primeiros anos, durante a Revolução Cultural Chinesa, e já trabalhou em construções. Ele fundou a empresa anterior à Nongfu em sua cidade natal, Hangzhou, em 1996. Conhecida pelas águas engarrafadas, a empresa também vende outras bebidas, como chás e sucos.

Zhong também tem controle acionário na Beijing Wantai Biological Pharmacy Enterprise, que produz kits de testes para doenças contagiosas, como a Covid-19. A empresa foi a público na Shanghai Stock Exchange em abril de 2020 e as ações aumentaram 2.500% desde o IPO.

Zhong está atrás apenas de Jeff Bezos (Amazon), Elon Musk (Tesla), Bernard Arnault (LVMH), Bill Gates (Microsoft) e Mark Zuckerberg (Facebook). Ele está à frente de outros grandes norte-americanos, como Larry Ellison (Oracle), Warren Buffett (Berkshire Hathaway) e Larry Page (Google).

Colin Zheng Huang, fundador da Pinduoduo, foi outro chinês a registrar ganhos. Ele lucrou US$ 7,2 bilhões nesta terça. O ex-engenheiro da Google cotou sua empresa na Nasdaq em julho de 2018. No mesmo dia, as ações subiram mais de 12%, o que rendeu a Huang um patrimônio de US$ 66 bilhões. Agora, ele é a segunda pessoa mais rica da China, à frente do cofundador da Alibaba, Jack Ma (18º pessoa mais rica do mundo).

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up