18.3 C
Rio Branco
15 junho, 2021 7:52 am

De máscara, acreanos vão às ruas pedir punição a Bolsonaro por mortes na pandemia

Ato se encerra nas escadarias do Palácio Rio Branco, com palavras de ordem contra o presidente

POR LEANDRO CHAVES, DO CONTILNET

As ruas do Centro de Rio Branco foram tomadas, na tarde deste sábado (29), por manifestantes que pedem punição ao presidente Jair Bolsonaro pela conduta do governo na pandemia de coronavírus, que já matou quase meio milhão de brasileiros.

O chefe maior da nação recusou 11 vezes ofertas de vacinas para proteger a população da doença. Segundo estudos, as doses negadas teriam evitado milhares de mortes.

Atos foram marcados pelo uso de máscara por quase todos os manifestantes / Foto: Selmo Melo

Os manifestantes percorreram o Centro em passeata até o Palácio Rio Branco, onde continuam os protestos pelo impeachment de Bolsonaro, por vacinação em massa, por mais comida na mesa dos brasileiros, pelo retorno do auxílio emergencial de R$ 600, entre outras pautas.

Os atos anti-Bolsonaro começaram no meio da tarde, com uma carreata que saiu da Arena da Floresta até o Colégio de Aplicação, de onde teve início a passeata.

Os protestos foram pacíficos e foram marcados pelo uso de máscara facial por quase todos os presentes.

As fotos abaixo são de Selmo Melo.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.