29.3 C
Rio Branco
14 junho, 2021 1:11 pm

Médico do AC desaparecido na BA era envolvido em projetos sociais e atuava em saúde mental

Nas redes sociais, amigos fazem campanha pedindo ajuda para encontrá-lo

POR EVERTON DAMASCENO, DO CONTILNET

O médico acreano Andrade Lopes Santana, de 32 anos, natural de Brasileia, segue desaparecido desde a última segunda-feira (24), em Araci (BA).

SAIBA MAIS: Médico acreano desaparece na Bahia após marcar almoço com amigo; carro foi encontrado

Andrade, quando visto pela última vez, havia saído da cidade de Araci com destino à Feira de Santana. Horas depois de responder algumas mensagens dos amigos, na terça-feira (25), seu carro foi encontrado pela Polícia Rodoviária Federal, às margens da BR-101, nas imediações de Conceição do Jacuípe.

Pode ser uma imagem de 1 pessoa

A polícia segue investigando o caso. Na tarde desta quarta-feira (26), o vigilante Jeferson Oliveira dos Santos, que trabalha no Hospital Municipal Nossa Senhora da Conceição, em Araci, um dos locais onde o acreano trabalha, prestou depoimento. O médico teria dito ao vigilante que estava indo a Feira de Santana resolver algumas pendências no 35º Batalhão de Infantaria (35º BI). CONFIRA AQUI. 

Familiares saíram do Acre para Feira de Santana para acompanhar mais de perto as buscas pelo jovem. A mãe, diz que não dorme desde que o filho desapareceu. Segundo dona Domitila Lopes, Andrade era um bom rapaz, muito amoroso e cuidadoso com a família, “Ela fez um apelo para que o filho volte para casa “Quero meu filho de volta, quem estiver com meu filho, por favor devolva. Sou mãe, ninguém sabe a dor que estou passando. Quero meu filho de volta, vivo, do jeito que ele estava. Sofri muito pra criar meu filho, pra ele estudar na Bolívia, foi sofrido, falta de dinheiro, tirar o sereno contando as moedas, e agora que ele estava bem, ele era um bom filho, e perguntava o que eu estava precisando. É um filho ótimo, maravilhoso, um amigo amoroso. Não sei o que aconteceu com meu filho”, desabafou em entrevista ao site Acorda Cidade.

O médico especialista em Saúde Mental e psiquiatria é filho de Paulino Santana, um comerciante tradicional já falecido que trabalhava com artigos de pesca. Ele não possui parentes na Bahia.

Andrade era também envolvido em um projeto social chamado “Ação Solidária Araci”, que ajudava com cestas básicas e mantimentos muitas famílias carentes da cidade. Uma foto divulgada em seu Instagram mostra ele distribuindo água para os moradores.

Ele também prestava atendimento solidário à população. No último dia 1 de agosto, Andrade e sua equipe atenderam mais de 200 pessoas em uma quadra poliesportiva. “Carisma não se compra, se conquista naturalmente”, escreveu em uma postagem sobre o evento.

Vascaíno de coração, ele também adora viajar e reencontrar amigos.